terça-feira, 24 de julho de 2012

OS MELHORES E OS PIORES ALIMENTOS - DR. LAIR RIBEIRO

LONDRINA - BARBOSA NETO PODE SER CASSADO 2ª FEIRA

FOLHAWEB

Relatório da CP da Centronic entregue ontem conclui pela procedência da denúncia envolvendo a rádio do prefeito
Devanir Parra/CML
O trabalho dos membros da CP começou no início de maio. Ontem, o relatório final foi entregue ao presidente da Casa
A Comissão Processante (CP) da Centronic terminou seus trabalhos concluindo que é procedente a denúncia de que dois vigias foram pagos com verba pública para trabalharem na rádio particular do prefeito de Londrina Barbosa Neto (PDT). Assim, a Câmara de Vereadores já marcou a sessão de julgamento do chefe do Executivo para a próxima segunda-feira, às 9 horas. Se a oposição reunir os 13 votos necessários para aprovar o relatório, o mandato do prefeito é cassado e ele perde seus direitos políticos por oito anos - ficando fora da disputa eleitoral de outubro. 

A CP, composta pelos vereadores Roberto Kanashiro (PSDB), presidente, Sandra Graça (PP), relatora, e Antenor Ribeiro (PSC), membro, entregou o relatório da investigação na tarde de ontem para o presidente da Casa, vereador Gerson Araújo (PSDB). A investigação começou no dia 7 de maio último. 

A vereadora Sandra Graça, no momento da entrega do relatório, ressaltou que o trabalho foi ''tenso e intenso''. ''Apesar de essa ser uma Casa política, temos que argumentar juridicamente muito bem nossas conclusões.'' Segundo o que apontou o relatório final da investigação, o prefeito infringiu o artigo 53 da Lei Orgânica, cometendo infração político-administrativa, por se ''omitir ou negligenciar na defesa de bens, rendas, direitos ou interesses do município'', e por isso deve ser responsabilizado politicamente. 

O contrato da Centronic com a prefeitura foi firmado em 2006 pela administração do ex-prefeito Nedson Micheleti (PT), mas recebeu aditivos na início da gestão do prefeito Barbosa Neto e foi rompido ainda em 2009. Para concluir a investigação, a CP ouviu nove pessoas, incluindo o chefe do Executivo e um dos vigias que trabalharam na rádio. 

A relatora escreve no relatório final que a partir de análise das informações colhidas ficou concluído que os ''vigias (Antônio Carlos Soares Alencar e Reinaldo Aparecido Pereira) trabalharam exclusivamente na Rádio Brasil Sul, entretanto constavam na lista de funcionários da Centronic que prestariam serviços para a prefeitura de Londrina''. ''E mais do que isso, que eles trabalharam na rádio sendo pagos pela Centronic com recursos públicos'', continua ela. O relatório foi acolhido pelos outros dois membros da CP. ''O prefeito deveria ter fiscalizado os contratos para evitar a irregularidade'', acrescentou. 

O pedido de abertura de CP foi feito pelo ex-secretário de Defesa Social e atual presidente do PMN local, Benjamin Zanlorenci. Por isso, nenhum vereador está automaticamente suspeito de votar o relatório final da investigação. A sessão de julgamento é aberta ao público e deverá contar com esquema especial de segurança. 

Votos 

Até o início das coligações partidárias para o pleito de outubro, a base do prefeito Barbosa Neto possuía sete vereadores: Eloir Valença (PHS), Jairo Tamura (PSB), Roque Neto (PR), Roberto da Farmácia do Vivi (PTC), Rodrigo Gouvêa (PTC), Roberto Fú (PDT) e Sebastião dos Metalúrgicos (PDT). Hoje, no entanto, os vereadores Valença, Tamura e Roque integram legendas coligadas com o PP, que lançou Marcelo Belinati para a Prefeitura de Londrina. 

A assessoria do prefeito informou que ele não se manifestaria sobre o assunto. 

P/ VEREADOR FARINA - Nº 2 33 33


Nº 23.333 - O  VOTO NÃO SE COMPRA  SE  CONQUISTA - COMPETÊNCIA - HONESTIDADE e CORAGEM SÃO  REQUISITOS DE UM BOM  POLÍTICO. AMO ROLÂNDIA E JÁ PROVEI ISSO. RENOVAÇÃO COM COMPETÊNCIA. P/PREFEITO FABIO Nº 13 - ROLÂNDIA PODE SER DIFERENTE.

ROLÂNDIA ESTÁ NAS OLIMPÍADAS DE LONDRES



O atleta rolandense Rafael Silva, destaque estadual, nacional e até internacional, representa Rolândia e o Paraná nas Olimpíadas da Inglaterra.
. Devido às competições e os treinamentos acabo ficando muito tempo em São Paulo, mas não me esqueço do lugar onde nasci e cresci”, declarou Rafael Silva.
O esportista foi convocado pela Confederação Brasileira de Judô para representar o Brasil no Mundial do esporte, que será disputado em Tóquio/Japão, de 8 a 12 de setembro.  Rafael viaja para o Japão na primeira semana de setembro para treinamentos e aclimatação. Agora Inglaterra.