terça-feira, 20 de novembro de 2012

TABELA JOGOS DO NAC NACIONAL DE ROLÂNDIA - CAMPEONATO PARANAENSE 2012


JOGOS DO NAC ( 2013 )


DataPlacar
20/01/2013Paraná ClubexNacional
24/01/2013NacionalxAtlético-PR
27/01/2013LondrinaxNacional
30/01/2013NacionalxRio Branco
03/02/2013J.MalucellixNacional
07/02/2013NacionalxCoritiba
10/02/2013TCWxNacional
14/02/2013ACPxNacional
17/02/2013NacionalxOperário
24/02/2013ArapongasxNacional
03/03/2013NacionalxCianorte

ESTRADA DO BANDEIRANTES / CAMPINHO ESTÁ UM CAOS

MANCHETE DO POVO
População pede solução para a estrada que vai para pitangueiras, conhecida como estrada do Vanzella — A estrada do campinho está cada vez pior


AS LIÇÕES DE CHERNOBYL ( RÚSSIA ) CONTAMINAÇÃO ATÔMICA

Zona de exclusão de Chernobyl


Os Dias Seguintes

A roda gigante seria inaugurada em 1° de maio. Toda a população de Pripyat começou a ser evacuada após 36 horas -deveriam "sair em 2 horas e ficar três dias fora". Os 45.000 habitantes não puderam levar nada. Tudo, inclusive eles mesmos, estava contaminado por radiação. Foi feito um cerco que existe até hoje, num raio de 30 km em volta de Chernobyl, conhecido como Zona de Exclusão, o que elevou os evacuados para 90.000.
Em 1997 esta área foi aumentada para 2.500 km2. Nesta zona a radiação atinge a mais de 21 milhões de Curies. As chuvas e inundações da primavera, quando a neve derrete, tem feito com que a radiação se espalhe e o perigo aumente. Estas águas em 50 anos contaminarão o rio Pripyat e a bacia do Dnieper, o que afetará a vida de 10 milhões de pessoas.
O total de evacuados na Ucrânia, Bielorússia (Belarus) e Rússia foi de 326.000 pessoas.    Continuaram operando 2 reatores, produzindo metade da energia consumida em Kiev e os funcionários da Central Nuclear foram transferidos para a cidade de Slavutich, a 40 km de distância. Todos os dias um trem com proteção contra exposição fazia a viagem até a Central Nuclear (Chernobyl foi operacionalmente desativada em 15.12.2000).
Os "liquidators" foram recrutados à força para limpeza, muitos eram soldados jovens sem roupa e treinamento apropriados. Mais de 650.000 ajudaram na limpeza no primeiro ano. Muitos destes adoeceram e entre 8.000 a 10.000 faleceram devido às doses recebidas no local da usina. Durante o trabalho, para não enlouquecerem, ouvia-se música na área cercada por arame farpado. Foram adotadas diversas medidas para cobrir o centro do reator com material que absorve o calor e filtra o aerosol liberado.
Com helicópteros, em 27 de abril, começou-se a jogar em cima do reator 1.800 toneladas de uma mistura de areia e argila, 800 t de dolomita (bicarbonato de cálcio e magnésio), 40 t de boro e 2.400 t de chumbo. Para reduzir a temperatura do material e a concentração de oxigênio, bombeou-se nitrogênio líquido para baixo do vaso do reator. Construiu-se embaixo do reator um sistema especial para remoção de calor, de modo a evitar a penetração do núcleo do reator no solo.
Os pilotos envolvidos morreram devido à exposição; uma dúzia de helicópteros de carga, caminhões e outros veículos se tornaram radioativos e tiveram que ser abandonados.
Para evitar a contaminação das águas subterrâneas e superficiais da região, foram tomadas as seguintes medidas: construção de uma barreira subterrânea impermeável ao longo do perímetro urbano da usina, perfuração de poços profundos para baixar o nível das águas do subsolo, construção de barreira de drenagem para o reservatório de água de resfriamento e instalação de sistema de purificação para drenagem da água.
As unidades 1 e 2 voltaram a operar em outubro/novembro de 1986, e a unidade 3 em dezembro de 1987, depois da execução de trabalhos de descontaminação, manutenção e melhoramentos na segurança dos reatores. Segundo o jornal soviético Pravda, a cidade ucraniana de Chernobyl, com mais de 800 anos, foi programada para ser totalmente nivelada, dois anos e meio depois do acidente. Isto não foi feito.
Três anos e meio depois, os moradores daquela localidade, "especialmente as crianças, sofrem de inflamação da tireóide, de falta de energia, de cataratas e dum aumento das taxas de câncer", segundo o Manchester Guardian Weekly. Em certa área, médicos especialistas predizem que dezenas de milhares de pessoas ainda irão morrer de câncer, causado pela radiação e haverá um aumento de doenças genéticas, de malformações congênitas, de abortos involuntários, e de bebês prematuros, nas gerações vindouras. Os diretores de fazendas informaram haver um índice crescente de defeitos congênitos entre os animais criados nas fazendas: "Bezerros sem cabeça, membros, costelas ou olhos; porcos com crânios anormais". Informou-se que as medições das taxas de radiação apresentam-se 30 vezes maiores do que as normais na área. Segundo o jornal soviético Leninskoye Znamya crescem pinheiros incomumente grandes na área, bem como choupos com folhas de 18 cm de largura, cerca de 3 vezes seu tamanho normal.

OSCAR FILHO DA BAND FAZ PIADAS SOBRE LONDRINA



Oscar Filho fala em "preconceito com Londrina" no Twitter
Redação Bonde
humorista Oscar Filho veio a Londrina neste final de semana para apresentar seu espetáculo de stand up "Putz Grill". 

Em meio à estadia, o humorista aproveitou para fazer duas piadas com a cidade e publicar no Twitter. 

"Cheguei em Londrina pra fazer meu show de hoje e fico feliz quehotel que eu estou tenha tomadas que funcionam 24h!", escreveu. 

Twitter/Reprodução


Em seguida, reclamou de um 'preconceito' com a cidade porque o vídeo que tentava acessar em um portal dizia que as imagens só poderiam ser vistas por internautas no Brasil. "Que legal! O player do UOL jura que eu estou fora do país. Preconceito com Londrina, hein???". 

VÍDEO POLICIAL AGRIDE MOÇA SEM MOTIVO


Torcedora do Coritiba é agredida por policiais da Rone
Redação Bonde
Ana Paula de Lima, de 18 anos, torcedora do Coritiba, foi agredida por policiais da Ronda Ostensiva de Natureza Especial (Rone) da Polícia Militar, na tarde de sábado (17), durante a Caminhada da Paz que ocorreu em Curitiba, pouco antes da partida contra o Vasco, pelo Campeonato Brasileiro. 
Ana Paula foi encostada em uma porta comercial, e, três policiais da Rone bateram a cabeça dela contra uma porta de aço. Logo em seguida, uma outra torcedora foi abordada por estar filmando o ato e a intimadaram. 

Confira o vídeo:

VÍDEO FARINA REPÓRTER - AV. BRASILIA NECESSITA DE CALÇADA ( PASSEIO )

PV ( PARTIDO VERDE ) EM ROLÂNDIA


O Partido Verde do Paraná está crescendo. Em Rolândia, o PV começa a ser organizado por um grupo de ambientalistas que, Cristina Pieretti (ao centro). Ela esteve em Curitiba e se encontrou com a presidente estadual do PV, Deputada Federal Rosane Ferreira, que deu as boas vindas ao grupo. Eu aprendi que com a politica podemos melhorar a vidas pessoas e podemos.  Que o meio ambiente tem que ser preservado e que existe produção e industrialização sim sem no entanto estragarmos o meio que vivem. (A) 
Cristina Pieretti
O Partido Verde do Paraná está crescendo. Em Rolândia, o PV começa a ser organizado por um grupo de ambientalistas que, Cristina Pieretti (ao centro). Ela esteve em Curitiba e se encontrou com a presidente estadual do PV, Deputada Federal Rosane Ferreira, que deu as boas vindas ao grupo.
Eu aprendi que com a politica podemos melhorar a vidas pessoas e podemos. 
Que o meio ambiente tem que ser preservado e que existe produção e industrialização sim sem no entanto estragarmos o meio que vivem.


A VERDADE SOBRE O PARQUE YUMÊ


Sobre o Parque Yumê  uma coisa me intriga, o projeto ao qual se refere o João como irregular já havia sido aprovado pelo Ministério do Turismo em 2008 e o dinheiro estava à disposição do município era só abrir a licitação a nível nacional, uma das exigências tendo em vista a abrangência do mesmo. O que de fato ocorreu foi que eles recortaram todo o projeto original (sem autorização do projetista) para prestigiar os construtores daqui de Rolândia, e ao ser apresentado ao Ministério foi reprovado, por isso essa demora. Pra não ficar feio para eles devido à estes erros foi mais fácil jogar a culpa na administração anterior.  Acompanhei todo processo do projeto original e ao final da gestão a reunião com a Caixa Econômica e assinatura abrindo crédito ao município. Espero que o projeto ora apresentado não seja mais eivado de erros como tudo que é feito às pressas. Desculpe-me o desabafo, mas fico triste quando ouço meias verdades, tentando livrar a própria pele. (Esta matéria não é de minha autoria... o autor não autorizou publicar o seu nome)