quinta-feira, 27 de junho de 2013

ROLÂNDIA - RAPAZ EMPREENDE FUGA CINEMATOGRÁFICA

Hoje (27/06) por volta das 14hrs da tarde, um rapaz fugiu da casa de saúde em um veículo (Gol Branco) com placas da cidade de Cambé. O Rapaz ficou com medo de ser internado, e pegou o carro de sua mãe e saiu andando na Contra-Mão, Furando Sinais vermelhos e cruzando preferenciais na Área Central da cidade.

A Polícia deu voz de abordagem ao cidadão, mas o mesmo não respeitou a ordem de parada e empreendeu fuga. Várias viaturas foram até o local no intuito de abordar o veículo, mas não obtiveram sucesso na abordagem. 

O Veículo só parou após se envolver em um acidente na rotatória da Dori (na BR-369). Após o carro  colidir contra a rotatória, o cidadão ainda saiu correndo a pé em meio ao mato, mas acabou sendo detido por policiais da ROTAM e encaminhado a Delegacia. O Veículo foi recolhido ao pátio do 15º batalhão em Rolândia. TEXTO E FOTO DE JEAN HENKE

ALIMENTOS QUE AUMENTAM A BARRIGA

ALIMENTOS QUE AUMENTAM A BARRIGA

Os alimentos que estimulam uma grande produção de insulina pelo pâncreas são os maiores responsáveis pelo acúmulo de gordura abdominal, levando ao desenvolvimento da resistência à insulina. Essa resistência à insulina pode levar ao diabetes. A insulina é um hormônio fundamental para colocar a glicose dentro da célula para produzir energia, entretanto quando produzido em excesso vai causar um desequilíbrio no organismo: vai fazer lipogênese (produção de gordura) na região abdominal e também vai aumentar o hormônio do apetite (grelina) além de diminui o hormônio da saciedade (leptina), aumentando assim a compulsão alimentar.

ALIMENTOS QUE AUMENTAM A GORDURA ABDOMINAL:

- Carboidrato de alto índice glicêmico (farinha branca refinada e seus derivados, açúcar, e doces em geral), porque necessitam de muita insulina;
- Carboidrato de alto e baixo índice glicêmico em quantidade exagerada numa mesma refeição, pois produz excesso de insulina;
- Gordura trans (biscoito recheado, pipoca de microondas, bolo industrializado, etc.);
- Gordura saturada em excesso (carnes gordas, pele de frango, salame, linguiça, manteiga, bacon, etc.).

ALIMENTOS QUE NÃO AUMENTAM A GORDURA ABDOMINAL:

- Carboidrato de baixo índice glicêmico em quantidade moderada (pão integral, hortaliças, frutas, cereais integrais, grãos, etc.), pois produz nível adequado de insulina;
- Gordura monoinsaturada em quantidade moderada (azeite de oliva extra-virgem, amêndoa, castanhas, nozes, etc.);
- Gordura poli-insaturada em quantidade moderada (salmão, atum, sardinha, chia, linhaça, etc.);
- Antioxidantes (vitamina C, vitamina E, selênio, zinco, betacaroteno, licopeno, antocianina, flavonoides, etc.). A gordura abdominal produz citocinas (substâncias inflamatórias) que oxidam as células e os antioxidantes vão protegê-las.

FONTES DE ANTIOXIDANTES:

- Vitamina C (laranja, tangerina, abacaxi, morango, vegetal verde escuro, etc.);
- Vitamina E (azeite de oliva, óleo vegetal, oleaginosas, abacate, etc.);
- Selênio (castanha do Pará, uma grande fonte);
- Zinco (nozes, frango, feijão, etc.);
- Betacaroteno (cenoura, mamão, abóbora, vegetal verde escuro, etc.);
- Licopeno (tomate, melancia, goiaba, etc.);
- Antocianina (açaí, berinjela, cebola roxa, repolho roxo, etc.);
- Flavonoides (uva, cebola, chá verde, cacau, etc.).

BLOG DO FARINA RECEBE ELOGIO ( GERSON )

Gerson Medeiros Parabéns ao BLOG DO FARINA! por ser uma imprensa livre que incentiva a difusão de múltiplos pontos de vista, instigando ao debate, por aumentar o acesso à informação sem interferência e promover a troca de ideias. Blogs assim são vistos como um inconveniente para políticos ditatoriais que normalmente reprimem a liberdade de imprensa, e também em um regime democrático, quando a censura não necessariamente se torna inexistente. Porém, para a sociedade torna-se uma fonte da verdade nua e crua.
RESPOSTA: Quando fundamos o Blog tínhamos exatamente esta visão. Queríamos ser um instrumento para que o povo pudesse se manisfestar livremente. Um canal para denunciar.. informar.. e mostrar tudo o que temos de bom e de ruim... Sigo ainda ( e sempre seguirei) esta direção. Sei que estou incomodando alguns coronéis por aí....Um abraço. JOSÉ CARLOS FARINA

ROLÂNDIA - REFORMA EM SÃO MARTINHO

FOTO By PREFEITURA

FILMES ESTREIAM EM LONDRINA NA SEXTA EM LONDRINA

'Homem de Aço' tem pré-estreia no final de semana
A comédia 'Todo Mundo em Pânico 5' também estreia nos cinemas de Londrina. Confira a programação completa dos filmes
Redação Bonde




 
Divulgação

Os fãs do Super-Homem já podem comemorar. A esperada sequência Homem de Aço tem pré-estreia em 3D neste final de semana em Londrina. A produção, dirigida por Zack Snyder, será exibida na sexta-feira, no sábado e no domingo nas salas de cinema da cidade. 

Com Henry Cavill na pele de Clark Kent, o filme promete muita ação e efeitos especiais, que trarão mais emoção às batalhas do jovem jornalista. 

O filme também traz no elenco Amy Adams, que interpreta Lois Lane e Diane Lane, que vive Martha Kent. O longa tem cerca de 130 minutos de duração e a classificação indicativa é de 12 anos. 

Confira a sinopse: 

Nascido em Krypton, o pequeno Kal-El viveu pouco tempo em seu planeta natal. Percebendo que o planeta estava prestes a entrar em colapso, seu pai (Russell Crowe) o envia ainda bebê em uma nave espacial, rumo ao planeta Terra. Ao chegar ele é criado por Jonathan (Kevin Costner) e Martha Kent (Diane Lane), que passam a chamá-lo de Clark. Com o tempo ele demonstra ter uma força descomunal, o que amedronta seus pais. Eles pedem que ele jamais demonstre seus poderes, mesmo em situações de emergência, já que nem todos conseguirão compreendê-lo por ser diferente das demais pessoas. Ao crescer, Clark (Henry Cavill) se torna uma pessoa isolada e frustrada. Em meio aos seus problemas emocionais, ele resolve usar seus poderes para ajudar a humanidade e se torna o Super-Homem. 



Neste final de semana, também estreia em Londrina Todo Mundo em Pânico 5. 

Todo Mundo em Pânico 5 

A comédia conta o mistério da morte de Charlie (Charlie Sheen), assassinado por Lindsay (Lindsay Lohan), que foi possuída por um demônio. Depois da morte dele, seus três filhos desaparecem e são encontrados dias depois numa cabana abandonada no meio da floresta. Lá eles convivem com um ser maligno que passa a assombrar todos que se aproximam. A produção é dirigida por Malcolm D. Lee e também traz no elenco Ashley Tisdale, Snoop Dogg e Simon Rex. A classificação indicativa é de 14 anos. Confira o trailer: 



BLOG DO FARINA - 650.000 ACESSOS


Mais um avanço...
Estamos crescendo cada vez mais...
A nossa promessa é apenas  ser um instrumento a serviço da população de Rolândia e do norte do Paraná...
Ética.. verdade.. informação e Justiça a quem merecer... com a marca by Farina
DEUS ABENÇOE A TODOS NÓS

JOSÉ CARLOS FARINA

ROLÂNDIA - AV. AILTON RODRIGUES ALVES ESTÁ INTRANSITÁVEL

ROLÂNDIA - NOVAS CRÍTICAS Á ADMINISTRAÇÃO JOHNNY LEHMANN

Rolândia está passando por um período conturbado, e um tanto obscuro, mas creio que "depois da tempestade vem a calmaria", Mas, nem por isso devemos deixar de lado situações que infelizmente se fazem presente em nossa cidade. Devemos questionar sim, e sempre buscar por soluções e caminhos. Então vamos la! Com relação a fábrica de bateria (aqui exposto como loteamento do KM 07 para instauração de um parque industrial) e as chamadas áreas institucionais, foram escrita algumas coisas. Vamos ao que interessa: li em um perfil do Facebook, um texto onde dizia que o que está sendo discutido na cidade, fora levantado por pessoas que não possuem conhecimento de causa. Se de repente, advogados, ambientalistas, juristas, professores, agricultures e afins não possuem conhecimento de causa, então não sei o que é. Mas enfim, como ele colocou duas questões em pauta, vamos até elas.
Primeiro tópico é relacionado as áreas institucionais, e a construção de uma UPA no parquinho vem de carona. Realmente não sou conhecedor da causa, mas me questiono: seria seguro a construção de uma UPA ao lado de um local onde teriamos crianças? E o contato com possiveis materiais "contaminados"? Logicamente se são perguntas, respostas devem acabar vindo. Com certeza o local é adequado, central e de fácil acesso. Porem, há de se ressaltar que existem AREAS INSTITUCIONAIS, cuja definição a partir da Lei Federal nº 6.766/79, todo loteamento urbano, para ser aprovado perante a Prefeitura, precisa reservar parte do imóvel, em percentual definido em lei municipal, para construção de praças, escolas, postos de saúde e outro equipamentos comunitários necessários ao atendimento dos futuros moradores daquele empreendimento.

Se existem essas áreas, porque se voltar para um parquinho? E tambem temos a questão de que, a nossa saúde está sucateada, então devemos construir mais uma Unidade de Saude para deixar na mingua? Não sei vocês, mas eu sou mais na questão de buscar melhorar o que já existe, e assim que sanado se voltar na construção de outras Unidades de Saúde. Gostaria de saber o que os "entendidos do assunto" pensam sobre isso. Eu que não sou entendido, vejo que é desnecessário você querer "abraçar o mundo". Mais adequado, como citado anteriormente, arrumar o que ta defasado.
Outra questão levantada, é a industrialização a partir do KM 07. Até onde sei, nossos parques industriais estão ociosos, então não faz-se necessario abrir mais um parque industrial. Mas esse não é o problema, a questão é que, tem-se documentos onde a empresa GNB (aqui citado como Baterias Reifor) comprou um terreno de cinco alqueires. A não ser que o dono desas empresa queira fazer um rancho naquela região, vou desconfiar dessa atitude. E eu fico receoso, uma vez que um representante dessa empresa veio até a câmara na tentativa de convencer os vereadores a aprovarem a vinda dessa industria. Sei, pois estava presente na ocasião e percebi o "desespero" por parte desse representante. Eu não entendo nada dessas questões, mas sei bem por cima de que existe uma "permissão" ou "adequação" (não encontro a palavra certa) onde os parques industriais são divididos por porte industrial (algo assim..haha). E naquela região, caso aprovado, a fábrica de bateria teria o aval para se instalar naquela região.
Ninguem é contra o "progresso e desenvolvimento", uma vez que isso venha com bem estar, desenvolvimento de programas sociais e outros tantos insumos que venham a beneficiar a população. Caso contrario, não existe "progresso" que seja válido as custas da piora na vida do povo.
Finalizo lembrando o filósofo inglês John Locke, quando disse que sem a vontade dos governados não existe poder legítimo. Então fica a dica, de conversar com o povo e saber o que move o povo a ser contra ou a favor de algo. Isso sem contar, de que o governante tem que expor de forma clara suas intenções. 
Sei que é utopia, mas sonhar não custa nada!

Saudações a todos

UM RECADO AOS POLÍTICOS ARROGANTES DE ROLÂNDIA

É indescritível a arrogância que caracteriza os políticos detentores de cargos. A impressão que se passa é que o fato de serem eleitos lhes dá a condição de não prestar nenhum tipo de respeito à opinião da população. Quando jovens se manifestam nas ruas e não aparece um prefeito nem vereador, para manifestar algum tipo de solidariedade com a causa, fica a impressão de que realmente o combate a tudo que cheira falta de vergonha e corrupção não diz respeito a quem já está eleito. Quando a arrogância de um político se torna patente, é preciso que a indignação da população também seja vista, pois, tornando conhecidas suas ações, mais gente se tornará capaz de fazer uma análise crítica e cobrar dele uma postura mais coerente com o que a população está pensando. (trechos extraídos do artigo A arrogância dos políticos eleitos - Por Aluízio Vidal – no Jornal Eletrônico. GILINI

JOSÉ DIAS APRESENTA FILME NOVO SEXTA-FEIRA ( NANUK )

ROLÂNDIA - AV. ADELAIDE FARINA ESTÁ UM CAOS

Ines Marcelina F Soaresmarcelina Na Av Adelaide Farina e na rua da panificadora santo expedido no santiago tá feio de passar nessas ruas de carro

CIDADÃ RECLAMA DA PROMOTORIA, DA PREFEITURA E VEREADORES



PESSOAL... O PORTAL TRANSPARÊNCIA DESDE QUE ESTE PREFEITO CAÇADO VOLTOU NÃO ESTÁ MAIS DISPONÍVEL PRA CONSULTAS. ELES MENTEM PRA MIM COLOCANDO SÓ PARTE DO PORTAL FUNCIONANDO...

EU JÁ ESTOU CANSADA DE CONVERSAR COM A PROMOTORIA DE ROLÂNDIA MAIS PELO JEITO ELES ESTÃO DO LADO DE QUEM ESCONDEM AS COISAS... NÃO CONSEGUIDO 

GOSTARIA DA AJUDA DE VOCÊS PRA QUE ROLÂNDIA E SUAS CONTAS FICASSEM TRANSPARENTES 

PEÇO A AJUDA DA IMPRENSA DE ROLÂNDIA POR FAVOR ENTREVISTEM O PROMOTOR E PERGUNTEM SE ALGUMA PROVIDENCIA FOI TOMADA

POPULAÇÃO JÁ SABEMOS QUE OS VEREADORES NÃO SÃO CAPAZES DE COBRAR ISSO DA PREFEITURA

TELEFONEM NA PREFEITURA ME AJUDEM A FISCALIZAR ROLÂNDIA 

SOCORRO GENTE!!!

FARINA RESPONDE AO PREFEITO JOHNNY LEHMANN DE ROLÂNDIA

  • COMENTÁRIO: Pago os meus impostos em dia e à vista. Sou um dos  seus patrões e por isso com todo o respeito quero comentar as suas estratégias de governo.  1º - Com  relação ao Parquinho, obrigado por ceder aos pedidos de centenas de cidadãos que amam aquele lugar... lugar onde brincaram... levaram os seus filhos e netos para tbm brincarem... de fato qualquer área pode ser usada mas nunca destruindo o que um outro prefeito (Primo Lepri) fez e que agradou a  população; Tá vendo nem todo mundo que reclama assim o faz porque não gosta de V. Exa. Elas fazem apenas por amor a Rolândia. O cargo de V. Exa. é passageiro. Logo voltará a ser um cidadão comum e mortal e vai querer ter equipamentos públicos para os seus netos brincarem. Ou não?  2º  -  Com relação ao chumbo achamos muita coincidência a empresa argentina fabricante de baterias comprar uma área de 5 alqueires, pagando o dobro do preço, justamente onde o município agora que montar um parque industrial. Sabemos que a mais de 12 anos o município não monta parques industriais. O último foi  o Parque Roland montado pelo saudoso  Perazolo. Nesta administração foi doado 30 alqueires para uma só empresa ali na saída para Cambé.  Não temos Parque Industrial do Município neste trecho do km 2 até São Martinho, mas se algum empresário adquirir com recursos próprios ( como é o caso deste industria de baterias) a Câmara poderá aprovar em regime  extraordinário para cada caso. Se V. Exa tem mesmo 36 empresários querendo montar industrias do km 2 até São Martinho, tire xerox das escrituras dos lotes e encaminhe, caso a caso, para a Câmara, com os projetos e tipo de industria. Ex. Móveis, estofados, alimentos. Os vereadores ganham bem e podem aprová-las todas em  uma semana. Ninguém que queira investir em industrias que não prejudiquem o meio ambiente e a saude humana será prejudicado. Ninguém. Da minha parte tenho o máximo prazer de divulgar qualquer empresa que se instale em Rolândia. Apesar de não concordar com o absurdo do tamanho da área doada, fui um dos primeiros a publicar a conquista da SELMI para Rolândia. Veja pesquisa no Google: (CLIQUE) https://www.google.com.br/#sclient=psy-ab&q=selmi+rol%C3%A2ndia+blog&oq=selmi+rol%C3%A2ndia+blog&gs_l=hp.12...9588.10566.1.12160.5.5.0.0.0.0.215.1051.2-5.5.0...0.0.0..1c.1.17.psy-ab.-Q1uaDhSwM4&pbx=1&bav=on.2,or.r_cp.r_qf.&bvm=bv.48340889,d.dmQ&fp=728e27a5ea7fd0f1&biw=988&bih=619   3º - Com relação a venda de áreas públicas todo morador dos bairros afetados pagou por elas, sendo o preço embutido no valor de cada terreno. Ora, a prefeitura pode não utilizá-las agora, pois não tem dinheiro, mas um outro administrador no futuro poderá economizar e ali construir praças, escolas, creches, pista de skate, postos de saúde, parquinhos, pista de cooper, etc. A lei federal de loteamentos  Lei n. 6.766 que  é de 1979 não faculta... obriga os prefeitos a só aprovarem loteamentos desde  que seja observados as área mínimas para estes investimentos públicos. Não podemos concordar que V. Exa. depois de mais de 40 anos da lei trabalhe contra a qualidade de vida que o legislador da época contemplou a todo morador das cidades brasileiras. Não será V. Exa. nem os Excelentíssimos vereadores é que tomarão uma decisão que somente quem pagou é que poderá  dar. Para provar que não sou oportunista, nem safado, nem pré-candidato a nada, faço um desafio: Marque uma grande reunião para cada bairro afetado, e mande fazer os convites pelas rádios, TV,  Blogs, e Carro de som do Borges. Se o povo dos bairros afetados concordarem quem é o Farina para dizer o contrário. Mas temos que ouvir o povo. São as regras da democracia. Veja V. Exa. que somente aqui em Rolândia alguém saiu com uma ideia absurda destas. Nenhuma outra cidade da região teve coragem de prejudicar seus bairros. O Paulo Augusto Farina publicou em seu Blog uma pesquisa da jurisprudência de vários Tribunais onde eles afirmam que esta prática é ofensiva a lei federal, e caso passe pela Câmara poderá ensejar ações judiciais para impedir as vendas. Consulte a sua assessoria e leiam o trabalho já feito pelo Paulo Farina. JOSÉ CARLOS FARINA

    NOVOS COMENTÁRIOS:

    • Alex Amaral bom agora ele quer se justificar, se passar de vitima, mas se não tivesse gastado tanto dinheiro publico com propaganda, com cargos de confiança, com funcionários que nem na área da saúde atuam, ele teria feito tudo o que a cidade precisa, e garanto que o povo não teria ido pras ruas, tempo teve, dinheiro teve, só não teve capacidade, e nem competência pra fazer, teve sim, tempo pra gastar com o que não precisava.

    • Melina Santos Takei Perfeita a sua resposta Farina! Está de parabéns!!! E sigamos a luta..... afinal somos democratas!!!
    • Gerson Medeiros E esperou acontecer tudo isso pra dizer que não quer o chumbo e não vai destruir o parquinho. Acho que os manifestos começaram a surtir efeito, não vamos desanimar, pois imagino pelo que tenho visto, ninguém é contra a pessoa do prefeito, apenas quer transparência nos gastos públicos e que a opinião da população afetada pelos atos da gestão pública sejam levadas em conta.

      Rafael Lima Ele vai processar quem critica o governo dele? Não falou das madeiras do hotel rolândia =[. mas que bom não irão destruir o parquinho, e nem a fabrica de chumbo! 

      • Talita Stutz Esse discurso de novo? "quanto pior melhor" realmente acabaram-se os argumentos... isso é tipico de ditadura... quem falar mal do meu governo vou processar... se não quer ser cobrado deixe o poder público, afinal somos seus patrões e cobraremos sempre seja quem estiver na cadeira do executivo
        há 3 horas · Curtir · 2
      • Rafael Lima Jeito é continuar os protesto, ele nem se lembrou de falar do hospital pq será?

        Cristina Pieretti de Souza Breno Giesen o Movimento Queremos , o Movimento do Protesto Rolândia não foge a lua no qual vc é um dos organizadores também devemos todos responder. Lembrando que o prefeito omite a questão da saúde do texto de defesa. Então tomem cuidado que ele não quer saber da saúde.


        Daniel Steidle COMO ACREDITAR? O QUE FAZER?

        Johnny Lehmann, Prefeito Municipal de Rolândia, afirma em Nota de Esclarecimento quanto aos protestos do dia 22 de junho de 2013:

        “Em nenhum momento permitirei uma indústria poluente no município.” 

        · QUEM BATALHOU PARA CONSEGUIR PARA ROLÂNDIA A CENTRAL DE LIXO DO NORTE DO PARANÁ?

        · QUEM BATALHOU PELA VINDA DE CHUMBO PARA ROLÂNDIA EM REUNIÃO PÚBLICA NA PREFEITURA?

        · QUEM ASSINOU O PROJETO LEI 003 / 2013 ABRINDO ESPAÇO AO LONGO DE 14 KM PARA INDÚSTRIAS “NOCIVAS, INCÔMODAS E POTENCIALMENTE POLUENTES”?

        Pela Nota de Esclarecimento do Prefeito Johnny Lehmann sobre as manifestações do dia 22 de junho, fica clara a grande pressão para logo industrializar a PR 170 entre Rolândia e São Martinho.

        Surpreende a afirmação do prefeito:

        “Quem for contra que pague a conta pela não geração de centenas de empregos”.

        Essa afirmação, com uma ameaça implícita, joga uma maioria contra uma minoria, sem considerar fatos e questões, tais como: 
        • Quem são os “36 empresários” que o prefeito menciona?
        • Onde ficam os inúmeros empresários rurais já estabelecidos há décadas que contribuem com produção de alimento, geração de impostos, empregos e promoção do Município?
        • Porque Rolândia precisa “crescer”, em cima de terras férteis e divisoras de águas, se tantas empresas no Município estãosucateadas, abandonadas ou funcionando de forma irregu lar? 
        • “Temos pressa” afirma a nota do prefeito. Pressa costuma ser a inimiga da perfeição. Teria que ser atendida primeiro a urgência maior de Rolândia: saúde e educação (capacitação de mão de obra, pois empregos existem, segundo empresários! “Vem muita gente de fora”).
        • O prefeito chamar pessoas, que desde o pioneirismo promovem este município sem para isso serem pagas, de “bairristas”, mostra total desconhecimento do perfil de Rolândia.
        • O Dr. Herbert Arnold Bartz, reconhecido pela Câmara dos Vereadores, em sua palestra afirmou: “a atividade de maior crescimento e rendimento no Brasil é a agricultura”. 
        • Rolândia terá que ficar na contra-mão da história, pela imposição de “crescer às pressas”? 
        • Faltam investimentos para a agricultura. Outros Municípios já criaram a figura do “produtor de água” remunerando agricultores pelo esforço de conservação.
        • Enquanto Rolândia tem indústrias que, sem fiscalização adequada, poluem água, ar e terra!
        • Água, ar e terra... os recursos naturais básicos para a vida!
        • Rolândia, pela sua situação topográfica apresenta uma imensa rede de nascentes e rios.
        • O bem água, um negócio altamente lucrativo, pela sua escassez crescente está para se tornar o “ouro azul”.
        • Não é o momento de Rolândia, por ganância e imediatismo, se dividir!

DANIEL STEIDLE DESMENTE JOHNNY LEHMANN

Daniel Steidle COMO ACREDITAR? O QUE FAZER?


Johnny Lehmann, Prefeito Municipal de Rolândia, afirma em Nota de Esclarecimento quanto aos protestos do dia 22 de junho de 2013:

“Em nenhum momento permitirei uma indústria poluente no município.” 

· QUEM BATALHOU PARA CONSEGUIR PARA ROLÂNDIA A CENTRAL DE LIXO DO NORTE DO PARANÁ?

· QUEM BATALHOU PELA VINDA DE CHUMBO PARA ROLÂNDIA EM REUNIÃO PÚBLICA NA PREFEITURA?

· QUEM ASSINOU O PROJETO LEI 003 / 2013 ABRINDO ESPAÇO AO LONGO DE 14 KM PARA INDÚSTRIAS “NOCIVAS, INCÔMODAS E POTENCIALMENTE POLUENTES”?

Pela Nota de Esclarecimento do Prefeito Johnny Lehmann sobre as manifestações do dia 22 de junho, fica clara a grande pressão para logo industrializar a PR 170 entre Rolândia e São Martinho.


Surpreende a afirmação do prefeito:



“Quem for contra que pague a conta pela não geração de centenas de empregos”.



Essa afirmação, com uma ameaça implícita, joga uma maioria contra uma minoria, sem considerar fatos e questões, tais como:
• Quem são os “36 empresários” que o prefeito menciona?
• Onde ficam os inúmeros empresários rurais já estabelecidos há décadas que contribuem com produção de alimento, geração de impostos, empregos e promoção do Município?
• Porque Rolândia precisa “crescer”, em cima de terras férteis e divisoras de águas, se tantas empresas no Município estão sucateadas, abandonadas ou funcionando de forma irregular? 
• “Temos pressa” afirma a nota do prefeito. Pressa costuma ser a inimiga da perfeição. Teria que ser atendida primeiro a urgência maior de Rolândia: saúde e educação (capacitação de mão de obra, pois empregos existem, segundo empresários! “Vem muita gente de fora”).
• O prefeito chamar pessoas, que desde o pioneirismo promovem este município sem para isso serem pagas, de “bairristas”, mostra total desconhecimento do perfil de Rolândia.
• O Dr. Herbert Arnold Bartz, reconhecido pela Câmara dos Vereadores, em sua palestra afirmou: “a atividade de maior crescimento e rendimento no Brasil é a agricultura”. 
• Rolândia terá que ficar na contra-mão da história, pela imposição de “crescer às pressas”? 
• Faltam investimentos para a agricultura. Outros Municípios já criaram a figura do “produtor de água” remunerando agricultores pelo esforço de conservação.
• Enquanto Rolândia tem indústrias que, sem fiscalização adequada, poluem água, ar e terra!
• Água, ar e terra... os recursos naturais básicos para a vida!
• Rolândia, pela sua situação topográfica apresenta uma imensa rede de nascentes e rios.
• O bem água, um negócio altamente lucrativo, pela sua escassez crescente está para se tornar o “ouro azul”.
• Não é o momento de Rolândia, por ganância e imediatismo, se dividir!



Atenciosamente, Daniel Steidle