domingo, 4 de agosto de 2013

ROLÂNDIA ÀS ESCURAS

VIMOS AGORA NA PÁGINA DO "COBRA"  QUE UM FUSCA BATEU EM UM POSTE NA ENTRADA DOS 5 CONJUNTOS,  BR 369  NO COMEÇO DA NOITE.  COM O IMPACTO O POSTE FOI  QUEBRADO, OCASIONANDO FALTA DE ENERGIA ELÉTRICA NA REGIÃO. O MOTORISTA FOI ENCAMINHADO AO HOSPITAL E NÃO CORRE RISCO DE MORTE. JOSÉ CARLOS FARINAFOTO ILUSTRATIVA

FESTA DOS CHIARATTI

04/08/2013 - NA CASA DO TIAGO CHIARATTI



















Homem mata quatro 4 em Londrina ( mãe da namorada e vizinhos )

04 de Agosto de 2013

Entra as vítimas está uma criança


FrizzRedação Frizz - FOTO COBRA REPORTER
Homem matou a mãe e três vizinhas após uma briga com a namorada na noite de sábado (03), no Jardim Bancários, em Londrina. Entre as vítimas está a militante do movimento negro da cidade, Vilma Santos de Oliveira, a Yá Mukumby, de 63 anos. 
Após uma discussão, Diego Ramos Quirino, 30 anos, tentou esfaquear a companheira, que correu em direção à rua para pedir ajuda. O rapaz, então, esfaqueou a mãe, Ariadne Benck dos Anjos, de 48 anos, que ainda estava dentro da residência e não resistiu aos ferimentos.  
Para tentar escapar do namorado transtornado, a mulher fugiu em direção à casa vizinha. Ele invadiu o local e matou três pessoas de uma mesma família. Dona Vilma, mais conhecida como Yá Mukumby, era uma das lideranças do movimento negro em Londrina há mais de 30 anos e precursora do sistema de cotas nas universidades em LondrinaEm sua casa, recebia e acolhia pessoas necessitadas e trabalhava para harmonizá-las com seus respectivos elementos. Também foram mortas Alial de Oliveira dos Santos, de 86 anos, e Olívia Santos de Oliveira, de 10 anos.
A namorada conseguiu fugir novamente e procurou ajuda em uma festa que ocorria próximo à residência. Diego invadiu o local nu e populares conseguiram contê-lo até a chegada da polícia, que o prendeu em flagrante. 
O corpo de Ariadne Benck dos Anjos, 48 anos, será velado na Igreja Batista do Jardim Bandeirantes. O sepultamento será às 16 horas no Cemitério Jardim da Saudade. As outras três vítimas da mesma família serão veladas na rua Elis Regina, 23, em Cambé. O sepultamento também será no Cemitério Jardim da Saudade. 

MAIS DETALHES:  Depois das quatro mortes, Quirino, que estava nu quando cometeu os crimes, correu pelas ruas do Jardim Champagnat até entrar em um salão onde ocorria uma festa infantil. Sua companheira, na verdade, estava nesse lugar.

Ao tentar atacá-la novamente, Quirino foi contido pelos convidados e seguranças da festa, que acionaram a polícia. O homem acabou preso. 
Surto 
Parentes de Quirino informaram à Polícia Civil que ele havia sido levado para um hospital ainda na tarde de ontem, por estar em surto psicótico. Segundo a polícia, Quirino é usuário de drogas. 
Depois de ser medicado e liberado, voltou para casa. Após tomar banho, ele começou a ficar violento e cometeu a chacina. 
Na delegacia, Quirino disse apenas que cometeu os crimes "porque estava com o bicho no corpo". Ele se reservou ao direito de ficar calado. Até a tarde de hoje, nenhum advogado havia sido nomeado para defender Quirino, de acordo com a polícia.

JUSTIÇA ANULA VENDA DE ÁREAS PÚBLICAS ( CUIDADO ROLÂNDIA ! )

A "proposta" de venda de 33 áreas públicas pela "administração" Joni Lehmann é uma aberração jurídica! A Lei nº 6.766/79 (Lei de Loteamentos), com as alterações introduzidas pela Lei nº 9.785/99 estabeleceu em seu artigo 4º, inciso I, que “as áreas institucionais e as áreas livres de uso público (praças e parques), deverão ser proporcionais à densidade de ocupação prevista no Plano Diretor ou aprovada por lei municipal para a zona em que se situem”. Cuida-se, portanto, de norma geral urbanística, com força vinculante para os Municípios. Segundo a lição da Doutrinadora Lúcia Valle Figueiredo, é um “dever do Município o respeito a essa destinação, não lhe cabendo dar (ou vender) áreas que, por força da inscrição do loteamento no Registro de Imóveis, passaram a integrar o patrimônio municipal. Não se insere na competência discricionária da Administração resolver qual a melhor finalidade a ser dada à praças, parques e áreas institucionais. A destinação já foi preliminarmente determinada pela Lei” (Disciplina Urbanística da Propriedade, p. 41, Editora Revista dos Tribunais, 1980). Por sua vez, o eminente Jurista Paulo Affonso Leme Machado em Direito Ambiental Brasileiro, p. 244, Editora Revista dos Tribunais, 1989, leciona que o ente público só poderia se conduzir com discricionariedade nas áreas do loteamento que desapropriasse (ou recebesse em dívidas) e não nas áreas reservadas por força da Lei: “Do contrário, estaria o Município se transformando em Município-Loteador através de verdadeiro confisco de áreas públicas, pois receberia as áreas para uma finalidade e, depois, a seu talante, as destinaria para outros fins.” Também reunimos inúmeros Acórdãos de vários Tribunais contrários à desafetação de Áreas Institucionais: “A Lei 6.766/79 proíbe a alteração da destinação das áreas verdes e institucionais, após a aprovação e registro de loteamentos urbanos (art. 4º, I, parágrafo 1º e 28). Em conseqüência, as áreas verdes e institucionais dos loteamentos em questão são consideradas bens de uso comum do povo e não podem ser objetos de desafetação e alienação" (Apelação Cível nº 201.894-1/8 – TJSP - Rel. Melo Colombi). Fato pacífico, a proposta da "administração" Joni Lehmann é ilegal! Mesmo que aprovada pela Câmara de Vereadores poderá ser impugnada por qualquer cidadão! Vamos aguardar...
COMENTÁRIO: BOA PAULO FARINA!... OS VEREADORES SOMENTE PODEM APROVAR UMA ABERRAÇÃO DESTAS SE A MAIORIA DOS MORADORES DOS BAIRROS AFETADOS CONCORDAREM POR ESCRITO.. ISSO QUE POR FORÇA DA LEI ESTAS ÁREAS LHES PERTENCEM E FORAM POR ELES PAGAS JUNTO COM O PREÇO DOS SEUS LOTES JUNTO AOS LOTEADORES.... AINDA MAIS SABENDO QUE QUEM ESTÁ PEDINDO AUTORIZAÇÃO É UM PREFEITO CASSADO QUE SÓ VOLTOU AO CARGO POR FORÇA DE UMA LIMINAR... QUAL A CREDIBILIDADE QUE ELE TEM PARA VENDER AS PRAÇAS DO POVO?? EU VOTARIA MIL VEZES CONTRA....

AS 50 MELHORES CIDADES DO PARANÁ PELO IDH ( ÍNDICE DESENVOLVIMENTO HUMANO )

fonte: skyscrapercity.com



ROLÂNDIA ANTES DO CHUMBO OCUPA UM BOM LUGAR


1 - Curitiba (Capital)
População: 1.828.092
IDH: 0,856 (PR 1º)
FOTO By  JOSÉ CARLOS FARINA

















2 - Londrina (Norte Central)
População: 505.184
IDH: 0,824 (PR 10º)
FOTO By  JOSÉ CARLOS FARINA

















3 - Maringá (Norte Central)
População: 331.412
IDH: 0,841 (PR 6º)
FOTO By  JOSÉ CARLOS FARINA
















4 - Foz do Iguaçu (Oeste) 
População: 319.189
IDH: 0,788 (PR 41º)


5 - Ponta Grossa (Centro Oriental) 
População: 311.106
IDH: 0,804 (PR 18º)


6 - Cascavel (Oeste) 
População: 291.747
IDH: 0,810 (PR 15º)


7 - São José dos Pinhais (RM Curitiba)
População: 272.530
IDH: 0,796 (PR 28º)


8 - Colombo (RM Curitiba)
População: 241.505
IDH: 0,764 (PR 107º)


9 - Guarapuava (Centro Sul)
População: 171.230
IDH: 0,773 (PR 82º)


10 - Paranaguá (Litoral)
População: 138.748
IDH: 0,782 (PR 61º)


11 - Apucarana (Norte Central)
População: 120.133
IDH: 0,799 (PR 25º) 


12 - Pinhais (RM Curitiba)
População: 116.984
IDH: 0,815 (PR 14º)


13 - Araucária (RM Curitiba)
População: 115.849
IDH: 0,801 (PR 23º)


14 - Toledo (Oeste)
População: 115.136
IDH: 0,827 (PR 9º)


15 - Campo Largo (RM Curitiba)
População: 110.796
IDH: 0,774 (PR 75º)


16 - Arapongas (Norte Central)
População: 101.467
IDH: 0,774 (PR 78º)


17 - Umuarama (Noroeste)
População: 98.855
IDH: 0,800 (PR 24º) 


18 - Almirante Tamandaré (RM Curitiba)
População: 96.739
IDH: 0,728 (PR 245º)


19 - Cambé (Norte Central)
População: 96.555
IDH: 0,793 (PR 31º)


20 - Piraquara (RM Curitiba)
População: 86.012
IDH: 0,744 (PR 183º)


22 - Campo Mourão (Centro Ocidental)
População: 85.460
IDH: 0,774 (PR 74º)


23 - Sarandi (Norte Central)
População: 83.486
IDH: 0,768 (PR 96º) 


24 - Paranavaí (Noroeste)
População: 82.133
IDH: 0,787 (PR 44º)

 

25 - Fazenda Rio Grande (RM Curitiba)
População: 79.255
IDH: 0,763 (PR 112º)


25 - Francisco Beltrão (Sudoeste)
População: 75.517
IDH: 0,791 (PR 36º)


26 - Pato Branco (Sudoeste)
População: 69.478
IDH: 0,849 (PR 3º)


27 - Telêmaco Borba (Centro Oriental)
População: 68.584
IDH: 0,767 (PR 101º)


28 - Castro (Centro Oriental)
População: 67.708
IDH: 0,736 (PR 218º)


29 - Cianorte (Noroeste)
População: 67.637
IDH: 0,818 (PR 12º)


30 - Irati (Sudeste)
População: 56.143
IDH: 0,743 (PR 188º)


31 - Rolândia ( Norte Central)
População: 55.750
IDH: 0,784 (PR 54º)-
foto by josé carlos farina












32 - União da Vitória (Sudeste)
População: 53.048
IDH: 0,793 (PR 33º) 


33 - Prudentópolis (Sudeste)
População: 50.614
IDH: 0,733 (PR 32º)


34 - Cornélio Procópio (Norte Pioneiro)
População: 48.427
IDH: 0,791 (PR 38 º)


35 - Ibiporã (Norte Central)
População: 47.052
IDH: 0,801 (PR 22º)


36 - Marechal Cândido Rondon (Oeste) 
População: 46.523
IDH: 0,829 (PR 8º)


37 - Lapa (RM Curitiba)
População: 42.906
IDH: 0,754 (PR 144º)


38 - Palmas (Centro-Sul)
População: 42.643
IDH: 0,737 (PR 216º)


39 - Santo Antônio da Platina (Norte Pioneiro)
População: 41.844
IDH: 0,745 (PR 179º)


40 - São Mateus do Sul (Sudeste)
População: 40.791
IDH: 0,766 (PR 103º)


41 - Jacarezinho (Norte Pioneiro)
População: 40.526
IDH: 0,782 (PR 58º)


42 - Medianeira (Oeste)
População: 39.700
IDH: 0,779 (PR 67º)


43 - Campina Grande do Sul (RM Curitiba)
População: 36.644
IDH: 0,762 (PR 120º)


44 - Paiçandu (Noroeste)
População: 36.336
IDH: 0,746 (PR - 175º)


45 - Dois Vizinhos (Sudoeste)
População:35.389
IDH: 0,773 (PR 81º)


46 - Pitanga (Centro Sul)
População: 35.155
IDH: 0,743 (PR 187º) 


47 - Jaguariaíva (Centro Oriental)
População: 33.041
IDH: 0,757 (PR 136º)


48 - Bandeirantes (Norte Pioneiro)
População: 33.089
IDH: 0,756 (PR 137º)


49 - Assis Chateaubriand (Oeste)
População: 33.077
IDH: 0,787 (PR 45º)


50 - Mandaguari (Norte Central)
População: 32.976
IDH: 0,791 (PR 37º)


Mais Cidades...