segunda-feira, 27 de janeiro de 2014

DR. FRANCISCONI FALA SOBRE A CRISE DO HOSPITAL SÃO RAFAEL

MINHA ESPOSA , DRA.  NILZA , TRABALHA HÁ , PELO MENOS , 13 ANOS COMO MÉDICA NO POSTO DA VILA , NO PROGRAMA SAÚDE DA FAMÍLIA . ANO PASSADO , COMEÇOU A FAZER ALGUNS PLANTÕES EXTRAS , PARA PODERMOS COMPRAR NOSSA CASA , POIS , A ÚNICA MANEIRA QUE TEMOS PARA CONQUISTAR NOSSAS COISAS , É TRABALHANDO . TRABALHANDO MUITO E PESADO .GANHAMOS NOSSO DINHEIRO APENAS E SOMENTE COMO FRUTO DE NOSSO TRABALHO. NÃO TEMOS "OUTRAS" FONTES DE RECEBER DINHEIRO . OCORRE QUE , O DINHEIRO DOS PLANTÕES QUE ELA FAZ , SÃO REPASSADOS , INFELIZMENTE , PELO HOSPITAL SÃO RAFAEL . PAGAMENTO QUE ERA PARA SER FEITO DIA 15 DESTE MÊS . LIGAMOS NO HOSPITAL E QUAL A RESPOSTA ?? SEM PREVISÃO . AH , LIGA AMANHÃ. PORQUE O HOSPITAL ESTÁ SEM CERTIDÕES NEGATIVAS DE FGTS , PORQUE NÃO CUMPRE COM SUAS OBRIGAÇÕES , POR INCOMPETÊNCIA ADMINISTRATIVA . TODO MÊS ESSA NOVELA .ALGUNS FUNCIONÁRIOS DA SAÚDE , VÁRIOS DELES , FIQUEI SABENDO HOJE , ESTÃO DESDE DEZEMBRO SEM RECEBER SALÁRIOS . ISSO SEM FALAR NOS MÉDICOS DO HOSPITAL , HÁ MESES SEM RECEBER. NÃO FIQUEI PUTO APENAS POR CAUSA DE MINHA ESPOSA . MAS, POR ESTA SITUAÇÃO INSUSTENTÁVEL PREFEITURA>>HOSPITAL SÃO RAFAEL , QUE JÁ PASSOU DA HORA DE SER RESOLVIDO . SE A ADMINISTRAÇÃO DO HOSPITAL NÃO É COMPETENTE , QUE SE MUDE A ADMINISTRAÇÃO . QUEM TRABALHA "HONESTO" , TEM QUE RECEBER EM DIA . PRÁ ONDE POSSO MANDAR MINHAS CONTAS ??? QUEM SE HABILITA A PAGAR ?? TOTAL DESCASO COM O FUNCIONÁRIO , É UMA SITUAÇÃO , NO MÍNIMO , HUMILHANTE , TER QUE LIGAR , TODOS OS DIAS , ATRÁS DE UMA COISA QUE É SUA , COMO SE ESTIVESSE PEDINDO UM FAVOR . QUANTO TEMPO O HOSPITAL LEVA PARA CONSEGUIR ESTA CERTIDÃO ?? PORQUE NÃO AS MANTÉM EM DIA , JÁ QUE , DISSO DEPENDE O PAGAMENTO DE SEUS FUNCIONÁRIOS ?? NÃO SERIA ESSA VOSSA OBRIGAÇÃO ?? A DIREÇÃO DO HOSPITAL ESTÁ COM SEUS VENCIMENTOS EM DIA ?? E ENQUANTO ISTO ?? AH , TENHA A SANTA PACIÊNCIA ..

ZONA VERDE ACABOU EM ROLÂNDIA ???????

HOJE NÃO TINHA GUARDINHAS... TAMBÉM NÃO TINHA VAGAS...  ISSO É ATRIBUIÇÃO DA PREFEITURA... DISCIPLINAR O TRANSITO NA CIDADE - ISSO É COMPETÊNCIA? JOSÉ CARLOS FARINA

ROLÂNDIA - FUTURO SOMBRIO E INCERTO


E como fica a questão da saúde em Rolândia?  Aos que votaram a favor da impunidade, de certa forma, tornando legal o descumprimento de diversas leis, gostaria que nos respondesse e agora, como fica? A prefeitura vai continuar repassando dinheiro para contratos irregulares até que as pessoas que forem aprovadas no concurso público que ainda vai ser realizado, ou vão dar outro jeitinho? Os postos de saúde vão continuar tendo falta de médicos, como ocorreu hoje a tarde no posto central? As ruas vão continuar cheias de buracos? A nossa torneira vai continuar sem água? Vão continuar a luta para trazer mais poluição para nossos rios? Vão continuar a vender nossos espaços públicos? E será que alguém pode me explicar porque não se podia fazer uma UPA no terreno do antigo Posto Central se agora vão construir um condomínio?  Nos órgãos públicos e na política é onde vemos, com mais frequência, o império do autoritarismo criar raízes e se multiplicar. Os políticos recebem um mandato e, por isso, não devem esquecer-se que, numa democracia autêntica, são legítimos representantes do povo que os elegeu, cabendo-lhes representá-lo em seus anseios e necessidades definidos e aprovados em programas de campanha. Portanto, deveriam dar o melhor de si ou, pelo menos, se esforçar para, nos embates das ideias, introduzir o que necessário for no corpo das leis, em consonância com os anseios da população.  E, infelizmente mais uma vez aqui em Rolândia, vimos o império do autoritarismo reinar sobre nossas cabeças! Afinal quem pode mais chora menos não é??

FURTA CARRO E MORRE AFOGADO EM ACIDENTE COM O VEÍCULO

Rapaz furta carro e morre afogado após acidente

Redação Bonde
Um rapaz de 24 anos morreu afogado após acidente neste sábado (25) em Rebouças. Horas antes, ele e um comparsa haviam furtado o carro de uma residência em Irati. 

De acordo com a Polícia Militar, João Carlos Fernandes esta dentro do carro junto com um jovem de 20 anos, que iria comprar o veículo. Os dois estavam testando o VW Santana antes de fechar o negócio. 

Divulgação / PM de Irati


Conforme a PM, o motorista perdeu o controle do carro e caiu em um tanque de peixes. O jovem de 20 anos conseguiu escapar ileso, mas João Carlos morreu afogado. O corpo dele foi encaminhado ao IML. 

O suspeito de participar do assalto em Irati não foi identificado.

PROTESTO CONTRA A COPA EM SP - DESTRUIÇÃO E PRISÕES

Polícia usa bala de borracha após manifestantes depredarem ônibus e vidraças; Alckmin critica protesto

Após três horas de caminhada pacífica, a manifestação contra a Copa tem ônibus depredado, vidraças de bancos e portarias de prédios quebradas e vitrine de concessionária estilhaçada. Na rua Augusta, a Tropa de Choque dispara bombas de efeito moral e balas de borracha. 
Na correria, alguns manifestantes tentaram entrar no hotel Linson, onde acabaram sendo detidos. Ao final da operação, 128 pessoas acabaram presas e saíram dali em um ônibus da polícia.
Pelo Twitter, o governador Geraldo Alckmin criticou os manifestantes: "Digo com alegria que esses vândalos não mancharam um dia que foi inteiro de festa para esta cidade corajosa e orgulhosa de seus valores. Como a imensa maioria dos brasileiros de São Paulo, condeno com energia os atos de violência e vandalismo registrados nesta noite."
Manifestação
O protesto, que reuniu cerca de 1500, pessoas começou às 17h deste sábado (25). Os manifestantes saíram do vão do Masp e tomaram a avenida Paulista em protesto contra a realização da Copa do Mundo no Brasil. O ato foi encabeçado pelo movimento Black Bloc. 
Ônibus é depredada na rua Augusta. Foto: Vitor Sorano
1/15
Após percorrer a Paulista, os manifestantes desceram a avenida Brigadeiro Luís Antônio, passaram pela região central e, em frente ao Teatro Municipal, houve o primeiro conflito. Manisfestantes joagaram paus e pedras na PM, que conseguiu conter o movimento com uma barreira de policiais.
Na subida da rua Augusta, no entanto, a situação ficou crítica e ocorreram as depredações acompanhadas da reação da polícia. Dois mil policiais foram deslocados para a região, segundo o Major Larry Saraiva, um do responsaveis pela tropa.
Os mascarados eram minoria - havia pessoas com adesivos da organização sindical Conlutas e outras sem qualquer identificação de grupo -, mas tomaram a frente do protesto.
"Nao dá para fazer omelete sem quebrar alguns ovos", disse um analista de sistema de 20 anos ao ser perguntado se concorda com a tática Black Bloc, que comete violência física para se fazer ouvir.
A corretora Elisabeth Monteiro, de 65 anos, decidiu acompanhar o protesto, mesmo sem concordar com a tática Black Bloc. "Eu acho muito violento. Seria bom se fosse pacífico", diz. "O povo tem que aprender a votar, mas votar em quem?"
A insatisfação com os políticos motivaram um dos gritos de guerra. Os alvos foram a presidente Dilma, o governador Alckmin e o prefeito Haddad. 
A frase "Quem não pular quer tarifa", comum nas manisfestações de junho do ano passado, foi adaptada para "Quem não pula é facista". Outro grito comum foi: "Da Copa, da Copa eu abro mão. Eu quero é dinheiro para Saúde e Educação."
Como o dia era de feriado de aniversário da cidade, a maioria dos estabelecimentos estava fechada. Outros, cerraram as portas com a chegada dos manifestantes, como foi o caso do shopping Light, no Anhangabaú. 
O frei franciscano Agnus Hostiam, que já havia participado de uma dezena de manifestações no ano passado, se juntos aos Black Blocs. "Violenta é a polícia, quando pisa na boca do neguinho na Cracolândia até que chegue a viatura", afirma. "Eu gosto de futebol, mas primeiro é preciso cuidar da saúde."