segunda-feira, 10 de março de 2014

ASFALTO ENTRE ROLÂNDIA E CAMBÉ ESTÁ HORRÍVEL

Esta é a situação do asfalto que faz a ligação entre Rolândia e Cambé. Caminho muito utilizado para nós que vamos até Cambé, varias empresas situadas pelo caminho como (Cocamar, Belagrícola, Porto seco e várias outras) asfalto em mal estado de conservação com vários trechos sem acostamento em boas condições, péssima sinalização de placas e não existe mais a faixa que separa as pistas e nem iluminação no período noturno, prejudicando muito a visibilidade principalmente em dias de chuva. Caberia aos competentes que averiguasse a situação.
COMENTÁRIO: Atenção vereadores!... gostaríamos que enviassem oficio ao exmo. governador  Beto Richa. JOSÉ CARLOS FARINA


ROLÂNDIA - JOHNNY LEHMANN EXONERA DOIS E CONTRATA TRÊS

Foi publicado na imprensa oficial  a exoneração de dois secretários ( João Campaner e Roberto Keller ) e a contratação de três novos comissionados: Patricia Eliana Almeida Silva (cc-8), Janaína Gibim (cc-5) e Eliana Batista de Jesus (cc-8). Ao invés de enxugar a administração contrata-se um a mais. Uma da pessoas indicadas seria parente de um vereador e outra filha da Sra. Ilda Gibim. Vamos aguardar e depois informar melhor. Vamos ver se o novo assessor de imprensa envia matérias aqui para o Blog do Farina.

QUANDO UM JORNALISTA PODE SER PROCESSADO ( OU NÃO )

A publicação de reportagem ou opinião com crítica dura e até impiedosa afasta o intuito de ofender, principalmente quando dirigida a figuras públicas.

Com esse fundamento, o ministro Celso de Mello, do STF, acolheu recurso da Editora Abril contra condenação do TJ-DFT que a obrigava a indenizar em R$ 10 mil o ex-governador Joaquim Roriz por danos morais.

“Não caracterizará hipótese de responsabilidade civil a publicação de matéria jornalística cujo conteúdo divulgar observações em caráter mordaz ou irônico ou, então, veicular opiniões em tom de crítica severa, dura ou, até, impiedosa, ainda mais se a pessoa a quem tais observações forem dirigidas ostentar a condição de figura pública, investida, ou não, de autoridade governamental, pois, em tal contexto, a liberdade de crítica qualifica-se como verdadeira excludente anímica, apta a afastar o intuito doloso de ofender”, afirmou o ministro do STF.

Raras vezes ações reparatórias por dano moral chegam ao Supremo - os recursos extraordinários são brecados na origem e os agravos de instrumento não têm sucesso.

Na avaliação de Celso de Mello, a liberdade de imprensa é uma projeção da liberdade de manifestação do pensamento e de comunicação, e assim tem conteúdo abrangente, compreendendo, dentre outras prerrogativas, o direito de informar, o direito de buscar a informação, o direito de opinar e o direito de criticar.

"Dessa forma, o interesse social, que legitima o direito de criticar, está acima de eventuais suscetibilidades das figuras públicas" - afirma o julgado. As informações são do site Consultor Jurídico, em matéria assinada pelo jornalista Elton Bezerra.

BOCA ABERTA FICOU FAMOSO

FOLHACENTROSUL

Repórter é denunciado por prefeitura, preso e tem bicicleta apreendida pela PM no Paraná

Se você ainda não curtiu, curta o FCS Brasil no Facebook: 
Ele foi preso, sob a acusação de "perturbação do sossego" e "difamação".
Há poucos dias atrás, o repórter midiativista Emerson Petriv, conhecido popularmente como 'Boca Aberta' foi preso novamente após expor, em praça pública, as supostas 'maracutaias' da prefeitura e da câmara de Cambé-PR.
Emerson é conhecido pela forma direta e crítica de expor os problemas, as maracutaias dos políticos em várias cidades do Paraná e já foi preso outras vezes.
Na foto acima, é possível ver a PM 'guinchando' a bicicleta que ele usa para suas reportagens e anúncios. E se observar bem, é possível ver um carro no fundo em cima da faixa de pedestres, e a polícia, pelo visto, nada fez.
SÓ LEMBRANDO A QUEM INTERESSAR:
A publicação de reportagem ou opinião com crítica dura e até impiedosa afasta o intuito de ofender, principalmente quando dirigida a figuras públicas.

Com esse fundamento, o ministro Celso de Mello, do STF, acolheu recurso da Editora Abril contra condenação do TJ-DFT que a obrigava a indenizar em R$ 10 mil o ex-governador Joaquim Roriz por danos morais.

“Não caracterizará hipótese de responsabilidade civil a publicação de matéria jornalística cujo conteúdo divulgar observações em caráter mordaz ou irônico ou, então, veicular opiniões em tom de crítica severa, dura ou, até, impiedosa, ainda mais se a pessoa a quem tais observações forem dirigidas ostentar a condição de figura pública, investida, ou não, de autoridade governamental, pois, em tal contexto, a liberdade de crítica qualifica-se como verdadeira excludente anímica, apta a afastar o intuito doloso de ofender”, afirmou o ministro do STF.

Raras vezes ações reparatórias por dano moral chegam ao Supremo - os recursos extraordinários são brecados na origem e os agravos de instrumento não têm sucesso.

Na avaliação de Celso de Mello, a liberdade de imprensa é uma projeção da liberdade de manifestação do pensamento e de comunicação, e assim tem conteúdo abrangente, compreendendo, dentre outras prerrogativas, o direito de informar, o direito de buscar a informação, o direito de opinar e o direito de criticar.

"Dessa forma, o interesse social, que legitima o direito de criticar, está acima de eventuais suscetibilidades das figuras públicas" - afirma o julgado. As informações são do saite Consultor Jurídico, em matéria assinada pelo jornalista Elton Bezerra.

No caso julgado, o ex-governador do Distrito Federal Joaquim Roriz ingressou com ação contra a Editora Abril e o jornalista Diego Escosteguy, por causa de uma matéria publicada em dezembro de 2009.

O texto compara Roriz ao personagem Don Corleone, do filme "O Poderoso Chefão", e afirma que ele pode ser o homem que teria ensinado José Roberto Arruda, ex-governador do DF, a roubar.

Ao julgar a ação procedente, o TJ-DFT entendeu ter havido “clara a intenção do veículo de comunicação e do responsável pela matéria de injuriar e difamar, com ofensa à honra e à moral, excedendo os limites da liberdade de imprensa”.

Para o ministro Celso de Mello, porém, "a crítica faz parte do trabalho do jornalista". (Recurso extraordinário com agravo nº 722.744).

"No contexto de uma sociedade fundada em bases democráticas, mostra-se intolerável a repressão estatal ao pensamento, ainda mais quando a crítica revele-se inspirada pelo interesse coletivo e decorra da prática legítima de uma liberdade pública de extração eminentemente constitucional".

FOTOS DA CAVALGADA EXPO LONDRINA 2014 By BLOG DO FARINA

ROLÂNDIA - DE NOVO AS TRINCHEIRAS DO TREM

Durante a Sessão ordinária desta quarta-feira (05), o vereador Reginaldo Silva (PP), através do Requerimento nº 40/2014, solicita à Prefeitura Municipal informações detalhadas sobre os prazos para a construção dos 04 Viadutos Ferroviários (trincheiras), que foram noticiados pela mídia local e pelo Site Oficial do Município no ano de 2010. O vereador justifica que tais informações são de extrema importância para responder aos questionamentos dos munícipes que residem além da linha férrea e necessitam atravessar a mesma, sendo constantemente prejudicados não só pela passagem, mas principalmente, pelas manobras e paradas dos trens, fato este que literalmente divide o município em duas partes. Reginaldo destaca ainda, que conforme mencionado anteriormente no Portal do Município na internet foi anunciado à abertura de processo licitatório para a elaboração dos projetos de engenharia de quatro (04) Viadutos, inclusive com a afirmação categórica de que o "problema está com os dias contados", nas palavras do senhor prefeito. "Visando prestar maiores esclarecimentos a população que sofre diariamente com esse problema e teve aumentada sua expectativa de solução, diante das notícias veiculadas pela mídia local e Portal do Município é que busco tais informações", concluiu o vereador.  Fonte: Assessoria da Câmara
COMENTÁRIO: Publiquei a poucos dias uma notícia veiculada na campanha política de 2012 ( Net ) dando conta que a obra iria começar em março de 2013. Agora eles vêem com mais esta.. que a obra ainda vai ser licitada... eu particularmente só vou acreditar ( e filmar ) quando eu ver os engenheiros demarcando ( estaqueando) a obra. JOSÉ CARLOS FARINA
Curtir ·  · 

MR. PARANÁ É DE CAMBÉ - BRUNO VINICIUS PASCUETTO,

Recebi esta nota de GILDA ALVES ( via Facebook ). Diz que o MISTER PARANÁ, BRUNO VINICIUS PASCUETTO, de Cambé vai CONCORRER ao mister BRASIL em Recife no dia 21 de abril .


PORTO SECO BRADO CAMBÉ CONTÊINERES TRENS EXPORTAÇÃO

ENTRE ROLÂNDIA E CAMBÉ - FOTOS By  JOSÉ CARLOS FARINA














TELEFONE 190 DE ROLÂNDIA COM PROBLEMAS


ALGUMAS PESSOAS LIGARAM AQUI NO BLOG DO FARINA PARA RECLAMAR QUE AS LIGAÇÕES AO 190 TEM CAÍDO EM APUCARANA... A ATENDENTE DO SETOR DISSE-ME QUE ISSO TEM ACONTECIDO... O PROBLEMA MAIOR É COM A LIGAÇÕES, VIA  CELULAR... SEGUNDO A ATENDENTE O PROBLEMA JÁ FOI COMUNICADO ÀS OPERADORAS... ESTÃO AGUARDANDO A SOLUÇÃO... PEDIMOS PROVIDÊNCIAS TAMBÉM. JOSÉ CARLOS FARINA

MATA HOMEM... CORTA A CABEÇA E ESPETA EM FRENTE A IGREJA CATÓLICA

HOMEM É DECAPITADO E TEM A CABEÇA EXPOSTA EM MURO DE IGREJA!
CLAUDEMIR DA SILVA, 35 anos, vulgo "Miquinho" foi assassinado brutalmente no inicio da manhã de sábado (08), na Rua Pitangui, Bairro São Silvestre, em Telêmaco Borba. A vitima foi decapitada ao lado do centro comunitário e os autores pegaram a cabeça da vitima e deixaram exposta em cima do muro da igreja católica do bairro. As policias de Telêmaco Borba estão investigando o caso no intuito de apurar as causas deste que é um dos crimes mais bárbaros que já aconteceram na cidade. 


(Com informações do site camerarec.blogspot.com.br)

VÍDEOS TRÊS HERÓIS BRASILEIROS By BLOG DO FARINA

HERÓI BRASILEIRO 3 By BLOG DO FARINA

BLOG DO FARINA ENVIA MENSAGEM PARA DILMA

MENSAGEM PARA DILMA
SE VC GOSTA DE COMUNISTAS
ISSO É PROBLEMA SEU...
MAS NÃO ACEITO QUE EMPRESTE DINHEIRO PARA A DITADURA
CUBANA SEM AUTORIZAÇÃO DO CONGRESSO NACIONAL
QUER AJUDAR? DÊ O SEU PRÓPRIO DINHEIRO...
EXIJO RESPEITO COM O DINHEIRO PÚBLICO

BLOG DO FARINA FAZ NOVA DENUNCIA

DUAS VITÓRIAS DE JOSÉ CARLOS FARINA NO JORNAL

Isso pra quem gosta de falar que eu  faço pouco por Rolândia. Tem pessoas aqui em Rolândia que são vereadores ( ou já foram ) que não fizeram nem 1/5 do que eu fiz pela nossa cidade. A primeira matéria fala de uma derrubada criminosa de árvores do Fundo de Vale do Amoreiras (fundos da Cotam) e a outra da minha conquista de preservar 70 metros lineares no fundo de vale do Jardim Vale Verde. A prefeitura na época queria recuar para 30 metros. Eu não deixei. O juiz acatou o meu pedido. Recentemente também ajuizei uma Ação Popular para preservar as madeiras do Hotel Rolândia. Agradeço o meu amigo Rodrigo Stutz e o Jornal Manchete do Povo.  OBS.: Fique registrado que o advogado, ambientalista e blogueiro José Carlos Farina não recebeu honorários para  proteger os interesses do povo.