segunda-feira, 8 de setembro de 2014

DEBLUM STORE CONFECÇÕES ROLÂNDIA

ANUNCIE NO BLOG DOJOSÉ CARLOS FARINA




VÍDEO - VEREADORES DE ROLÂNDIA DENUNCIAM NO FÓRUM FALTA DE MÉDICOS NO HOSPITAL SÃO RAFAEL


ROLÂNDIA - VEREADORES DENUNCIAM FALHAS NA SÁUDE PÚBLICA NO FÓRUM

08/09/2104 - 15 horas - OS VEREADORES REGINALDO SILVA, ALEX SANTANA, JOÃO ARDIGO, MAICO DIDA, ACOMPANHADOS DA ASSESSORA DRA. SORAYA, DENUNCIARAM AGORA POUCO NA PROMOTORIA DE DEFESA DA SAÚDE PÚBLICA A FALTA DE MÉDICO OBSTETRA E PEDIATRA QUE PODERÁ TER VITIMADO UMA VIDA  NESTE FINAL DE SEMANA. FOTO By  JOSÉ CARLOS FARINA

SAÚDE DE ROLÂNDIA CONTINUA MAL

ATENÇÃO JOHNNY LEHMANN
ATENÇÃO VEREADORES
MORREU UMA CRIANÇA ONTEM PORQUE NÃO
TINHA MÉDICO OBSTETRA...
QUERO UMA REUNIÃO PARA ONTEM COM
TODA A DIREÇÃO DO HOSPITAL E VER
O QUE PODE SER FEITO PARA QUE NINGUÉM,
MAIS MORRA POR FALTA DE MÉDICOS....

  • José Carlos Farina VAMOS NOS MOVIMENTAR.. AGIR.... AGORA.... SE FOSSE FILHO DE UM FIGURÃO COMO FICARIA???? A RESPONSABILIDADE EM PRIMEIRO LUGAR É DO MUNICÍPIO.... É O MUNICÍPIO QUE DEVE FORNECER O ATENDIMENTO BÁSICO DE SAÚDE.. AÍ ENTRA A PERMANÊNCIA DE PLANTÕES DE MÉDICOS OBSTETRAS E PEDIATRAS.. OU NÃO???

VÍDEO MOMENTO INESQUECÍVEL DO BLUES COM PAUL MACCARTNEY

Paul McCartney presenteia o mundo com uma Jam com blueseiros das antigas

CLIQUE NESTE LINK E ASSISTA... INESQUECÍVEL....

 http://goo.gl/Vr2HNV

JOSÉ CARLOS FARINA ALERTA O POVO DE ROLÂNDIA

NÃO PODEMOS SÓ CORTAR ÁRVORES.. TEMOS QUE REPOR O NOSSO ARSENAL DE "FABRICANTES DE ÁGUA" E "AR CONDICIONADO" NATURAL... COMO QUEREM  OS NOSSOS GOVERNANTES SEREM  LEMBRADOS NO FUTURO? COMO HERÓIS OU ASSASSINOS DE ÁRVORES? PARABÉNS DANIEL STEIDLE PELA MATÉRIA PUBLICADA NA FOLHA DE LONDRINA E PELA FOTO ABAIXO... ESTA FOTO É RETRATO DOS NOSSOS GOVERNANTES DE HOJE...  APESAR DOS AMBIENTALISTAS  ALERTAREM O TEMPO TODO NÃO VIMOS NENHUM PROGRESSO NESTE SETOR EM ROLÂNDIA... DEUS TENHA PIEDADE... PRECISAMOS   DO VERDE... DO OXIGÊNIO... DA ÁGUA PURA... MISERICÓRDIA DEUS!.. TE PEDIMOS..... O EXECUTIVO AO INVÉS DE CONVERSAR COM OS AMBIENTALISTAS QUE SÓ QUEREM O BEM DA CIDADE OS DESTITUEM VIA DECRETO DO COMDEMA.... SE OS AMBIENTALISTAS NÃO SERVEM PARA CUIDAR DO MEIO AMBIENTE... QUEM SERVE? TEXTO JOSÉ  CARLOS FARINA - FOTO By JOSÉ CARLOS FARINA

DANIEL STEIDLE ALERTA - VAMOS RECUPERAR O VERDE EM ROLÂNDIA

SOMBRA E ÁGUA FRESCA NA TERRA DO MAIOR INCREMENTO FLORESTAL DO MUNDO
Rolândia e região há pouco tempo eram florestas de muita “sombra e água fresca”. A pesquisa da Embrapa-Florestas mostra: temos o maior incremento florestal do mundo! A pesquisa do LABRE (Laboratório de Biodiversidade e Restauração de Ecossistemas da UEL) torna viável a restauração ambiental.
A árvore além de fornecer matéria prima renovável cuida de muitos empregos e da “sombra e água fresca”.
VAMOS CONSTRUIR ESSA IDÉIA?

FELIPE MASSA DESENCANTA E CHEGA EM 3º EM MONZA ITÁLIA



OS PARABÉNS DO BLOG DO FARINA. AGORA SIM PODEMOS DIZER QUE O BRASIL TEM PILOTO. PARABÉNS WILLIAMS. AGORA  TEMOS CARRO TAMBÉM. DEUS ABENÇOE VOCÊS.O BRASIL ESTÁ ORGULHOSO E FELIZ COM VOCÊS. PEDIMOS MAIS CORRIDAS VIOTORIOSAS COMO ESTA.

Rosberg erra e Hamilton vence GP da Itália; Massa é 3º
Depois da intensa polêmica no GP da Bélgica, Lewis Hamilton deu o troco em Nico Rosberg neste domingo e venceu o GP da Itália de Fórmula 1. O inglês contou com um erro do alemão, então líder da prova, para alcançar o primeiro lugar no Circuito de Monza e reequilibrar o Mundial de Pilotos. O brasileiro Felipe Massa voltou ao pódio ao terminar em terceiro lugar.

O piloto da Williams não subia ao pódio desde o GP da Espanha do ano passado, ainda com a Ferrari. Este é o seu 37º pódio na carreira, o primeiro da temporada. Neste ano, ele vinha sendo superado com frequência pelo companheiro Valtteri Bottas, que já acumulou quatro pódios na temporada e apresenta boa vantagem na classificação geral.

Hamilton, por sua vez, assegurou sua 6ª vitória do ano e a 28ª na Fórmula 1. O triunfo deste domingo teve sabor especial por ter sido obtido justamente por causa de um erro de Rosberg, seu companheiro e rival dentro da Mercedes. Na etapa passada, o alemão tirara o inglês da disputa pela vitória em um toque logo no início da corrida. A manobra gerou polêmica e até uma advertência da equipe a Rosberg.

Além do troco, Hamilton consegue reduzir a vantagem do companheiro no Mundial. A vantagem de 29 pontos caiu para 22 - 238 contra 216 pontos. Pole position, o inglês largou mal neste domingo e chegou a figurar em quarto lugar, mas reagiu rapidamente. E contou com a sorte para superar Rosberg, que passou direto em uma curva, perdeu tempo e acabou cedendo o primeiro lugar ao companheiro de equipe.

A ultrapassagem "limpa", sem qualquer atrito, gerou alívio na Mercedes, preocupada com mais um possível confronto direto entre os dois pilotos na pista. Depois da polêmica da Bélgica, o chefe de equipe, Toto Wolff, criticou publicamente a manobra de Rosberg e avisou que não toleraria outro incidente como aquele.

A CORRIDA - Se na etapa passada Hamilton passara Rosberg logo na largada, nesta o alemão deu o troco e deixou o pole position para trás logo na saída. Hesitante, o inglês caiu para o quarto lugar. No duelo interno da Williams, Massa foi quem se saiu melhor. Chegou a figurar em segundo antes de ser passado por Kevin Magnussen na primeira curva. Bottas teve péssima largada, ao cair de terceiro para o 11º lugar.

Com Rosberg na ponta, os demais pilotos iniciaram a disputa para se aproximar do líder. Na 5ª volta, Massa ultrapassou Magnussen, superado também por Hamilton. Em grande ritmo, o brasileiro cravava a melhor volta da corrida antes da 10ª volta e conseguiu se aproximar do líder quando Rosberg cometeu erro, deixou a pista, mas manteve a ponta.

Apesar do bom rendimento, Massa não resistiu às investidas de Hamilton e foi ultrapassado na 10ª volta. Em terceiro, tinha vantagem de 10 segundos sobre o quarto, Magnussen. No pelotão intermediário, seu companheiro Bottas fazia corrida de recuperação e chegou a ficar em quarto, atrás de Massa antes da primeira rodada de paradas nos boxes, a partir da 19ª volta.

O brasileiro trocou os pneus na 24ª volta e voltou à pista em quinto lugar. Logo já figurava em 3º. Rosberg e Hamilton também pararam, sem trocas de posições. Bottas, por sua vez, retornou na 9ª colocação. Mas não demorou para se aproximar novamente de Massa, deixando para trás Sebastian Vettel.

Massa, contudo, não chegou a ter seu lugar no pódio ameaçado. Sem oscilar, ele mantinha a boa vantagem, que chegava a 17 segundos. Bottas, de olho na posição do brasileiro, passou a se preocupar com a reação de Daniel Ricciardo, em mais uma grande prova. Ele protagonizou grande duelo com o companheiro Vettel, após uma série de ultrapassagens e alcançou o quinto posto.

Na briga pela ponta, Hamilton contou com a sorte para desbancar Rosberg da primeira posição na 29ª volta. O alemão repetiu erro cometido no início da prova e passou reto na mesma curva que quase já o havia tirado da liderança. O inglês agradeceu e não perdeu a oportunidade de alcançar o primeiro lugar, trazendo alívio para a Mercedes, que foi poupada de novo duelo entre os dois pilotos.

Enquanto a torcida vibrava com a alternância da ponta, Fernando Alonso se despedia da prova, na mesma volta. Com um problema no ERS (sistema de recuperação de energia), o piloto da Ferrari precisou abandonar a pista, decepcionando as fanáticos torcedores italianos em Monza.

No pelotão dianteiro, Hamilton sustentou a vantagem, que chegou a alcançar mais de quatro segundos, e não deixou Rosberg se aproximar. Massa, em posição tranquila, conduziu sua Williams com bom rendimento até a bandeirada final.

Os pilotos da Fórmula 1 voltam à pista daqui a duas semanas para a disputa da corrida noturna em Cingapura. A etapa será sediada no Circuito Marina Bay Street no dia 21.

Confira a classificação final do GP da Itália:

1º - Lewis Hamilton (ING/Mercedes), em 1h19min10s236
2º - Nico Rosberg (ALE/Mercedes), a 3s1
3º - Felipe Massa (BRA/Williams), a 25s
4º - Valtteri Bottas (FIN/Williams), a 40s7
5º - Daniel Ricciardo (AUS/Red Bull), a 50s3
6º - Sebastian Vettel (ALE/Red Bull), a 59s9
7º - Sergio Perez (MEX/Force India), a 62s5
8º - Jenson Button (ING/McLaren), a 63s
9º - Kimi Räikkönen (FIN/Ferrari), a 63s5
10º - Kevin Magnussen (DIN/McLaren), a 66s1
11º - Daniil Kvyat (RUS/Toro Rosso), a 71s1
12º - Nico Hülkenberg (ALE/Force India), a 72s6
13º - Jean-Eric Vergne (FRA/Toro Rosso), a 73s
14º - Pastor Maldonado (VEN/Lotus), a 1 volta
15º - Adrian Sutil (ALE/Sauber), a 1 volta
16º - Romain Grosjean (FRA/Lotus), a 1 volta
17º - Kamui Kobayashi (JAP/Caterham), a 1 volta
18º - Jules Bianchi (FRA/Marussia), a 1 volta
19º - Esteban Gutierrez (MEX/Sauber), a 2 voltas
20º - Marcus Ericsson (SUE/Caterham), a 2 voltas

Não completaram a prova:
Max Chilton (ING/Marussia)
Fernando Alonso (ESP/Ferrari)