sábado, 15 de novembro de 2014

MULHER NUA APARECE DE NOVO

Lutadora de 35 anos foi flagrada na Avenida Juca Batista, na Zona Sul. Ela foi encaminhada para um pronto atendimento para receber auxílio.
g1.globo.com

ÁRVORE PEDE SOCORRO EM LONDRINA

PREFEITURA se prepara para CORTAR a Figueira da Rua Bahia, apoiada num laudo inconsistente e apesar de dois laudos independentes atestarem que a árvore deve ser PODADA e TRATADA e não CORTADA. E passando por cima de um INQUÉRITO aberto pelo Ministério Público (422/14, promotoria do Meio Ambiente). Triste São Paulo, que caminha para um desastre ambiental anunciado.

MANISFESTO PROTESTO GIGANTE CONTRA A DILMA HOJE EM SÃO PAULO PELO IMPEACHMENT

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Ato que pede impeachment de Dilma Rousseff reúne milhares de pessoas na Avenida Paulista http://oesta.do/1Bxk7e5 ·

Salto dos Macacos, Morretes - Paraná - lindo


13/11/2014 

Salto dos Macacos esconde belezas naturais impressionantes; assista!

O salto é só para os aventureiros mais dispostos: são de 2 a 3 horas para subir e o mesmo para descer

Redação Bonde







Visitar Morretes, na serra paranaense, é como fazer um passeio pelo tempo. Cravada entre morros e picos, a pequena cidade guarda muita tradição e história. Mas, muito além de sua arquitetura secular, com casarios antigos e riqueza cultural, Morretes reserva paisagens deslumbrantes a seus visitantes.
Reprodução
Reprodução


Alguns pontos mais acessíveis são bem conhecidos, como as prainhas do Rio Nhundiaquara e o Pico do Marumbi. Outros, no entanto, estão ainda mais embrenhados na faixa de Mata Atlântica que cerca a cidade, dificultando a visitação. E é justamente por isso que permanecem até hoje paraísos quase intocados. Nesses locais é possível desfrutar de momentos únicos em contato com a natureza.

Famoso por seu 'tobogã' natural de pedra, o rio dos Macacos é um deles. O rio precipita-se em um salto de 70 metros formando o Salto dos Macacos, que cai sobre uma laje granítica e forma uma impressionante piscina natural. Em seguida como um degrau, forma outro salto, o Redondo, com aproximadamente 30 metros de queda livre e 20 metros de largura, proporcionando um espetáculo maravilhoso, que pode ser avistado ao longe, durante a viagem de trem ou litorina.



Para apreciar a vista de perto, você pode descer os 22 quilômetros do Caminho do Itupava (nem todo mundo tem esse preparo e disposição) ou fazer o inverso: partir de Porto de Cima, em Morretes, subindo os primeiros quilômetros do Caminho.

Como chegar

Para chegar ao Salto pelo caminho mais curto você precisa ir até Porto de Cima (a partir de Curitiba, basta pegar a BR-116 e em seguida a Estrada da Graciosa, ou pela BR-277, que dá acesso a Morretes). Cortando a cidade você chegará a Porto de Cima, onde há estacionamentos para carros. Outras opções são pegar um ônibus até São João e caminhar um pouco, ou pegar um ônibus direto a Porto de Cima, partindo de Morretes.

A partir daí há duas alternativas, caminhar cerca de 4 quilômetros por uma estrada de chão que margeia o do Rio Nhundiaquara ou pegar uma Kombi/Lotação, que leva turistas até o início da trilha.

Vá preparado para atravessar o rio. Segundo montanhistas mais experientes, a água pode estar no joelho ou no pescoço, dependendo da chuva e se o volume de água estiver alto. A correnteza é forte, portanto recomenda-se cuidado. Há vários outros riachos e córregos no caminho, mas são fáceis de atravessar.

Durante todo o trajeto você vai encontrar lindas cachoeiras e piscinas naturais. Dependendo do preparo físico, o trajeto até o Salto leva de 2 a 3 horas para subir, mais duas para descer.

VAI FALTAR ÁGUA EM SÃO PAULO EM 2015

Em depoimento ao Ministério Público Estadual, diretor metropolitano da Sabesp também afirmou que vai faltar energia. Via Metrópole Estadão ‪#‎Água‬

Casamento do Ano em Rolândia

fotos de TaisWilsonMacedo