sábado, 28 de fevereiro de 2015

CERVIN completa 30 anos e receberá homenagem de vereadores


Foto: Arquivo Cervin

Na Sessão Ordinária da próxima segunda-feira (02) os vereadores vão entregar ao CERVIN (Centro de Recuperação Vida Nova) uma Moção de Congratulações em forma de homenagem a entidade que completa 30 anos

O requerimento de autoria do presidente da câmara, José de Paula Martins (PSD), foi assinado por todos os vereadores e concede Moção de Congratulações ao CERVIN.

Fundado e 1985 o centro já atendeu até o momento 3.800 pessoas. É uma entidade não governamental, sem fins lucrativos, sendo referência na recuperação de usuários de drogas e alcoólatras no estado do Paraná. O CERVIN desenvolve através de um regime residencial, trabalhos no âmbito da rede psicossocial focado na evangelização, apresentando o caminho da fé como aliado fundamental no resgate do cidadão.

Hoje a instituição conta para esse trabalho com uma equipe de 34 (trinta e quatro) pessoas, incluindo funcionários da área administrativa, monitores, coordenadores, psicólogos, assistente social, médico, enfermeiro, educador físico, cozinheiro, funcionários do trabalho rural, instrutores das oficinas, além de voluntários.

A solenidade acontece dentro da Sessão Ordinária que terá inicio na próxima segunda-feira (02) às 18h. Toda a comunidade está convidada a participar.

Fonte: Assessoria da Câmara Rolândia 

Paraná vence o Nacional em Curitiba

Redação Bonde

Com a vitória por 3 a 1 sobre o Nacional de Rolândia na noite desta sexta-feira (27), o Paraná Clube chegou aos 10 pontos e assumiu a quinta colocação no Campeonato Paranaense. Apesar de agora ter o mesmo número de pontos do Londrina, o time da capital perde no saldo de gols - dois contra cinco. 

Na partida desta noite, válida pela sexta rodada e disputada na Vila Capanema, em Curitiba, o meia Ricardinho abriu o placar a favor dos anfitriões logo aos dois minutos do primeiro tempo. 

Na segunda etapa, Jean, no primeiro minuto, e Rossi, no 10º, ampliaram para o Paraná Clube. Diogo descontou para o time do Norte do Paraná aos 43 minutos. 

Divulgação/FPF

Com a sexta derrota em seis jogos, o Nacional vê o Torneio de Morte cada vez mais perto, enquanto o Paraná encosta nos times da parte de cima da tabela e encaminha sua classificação à 2ª fase da competição. 

Os outros quatro jogos da sexta rodada serão disputados às 16h deste domingo. Na sétima rodada, o Nacional recebe o Operário e o Paraná visita o Rio Branco no Litoral.

Polícia Rodoviária e PM colocam tropa para liberar PR-445 em Cambé

JORNAL DE LONDRINA

Texto: Marcelo Frazão

Ponto de bloqueio era um dos últimos a permanecer na região de Londrina; PRE tem ordem judicial para desobstruir qualquer rodovia

Policiais rodoviários estaduais chegam ao local de bloqueio para registrar placas e garantir liberação total da pista (Crédito: D´Angele Alberto/RPCTV Londrina)

Mais de 30 agentes da Polícia Rodoviária Estadual em Londrina, com apoio de policiais militares, liberaram a PR-445 perto da passarela do Jardim Ana Rosa, em Cambé, na manhã deste sábado (28).

Na área, havia dois protestos: um dos caminhoneiros paralisados, que desde ontem travaram o trânsito na área, e outro de caminhoneiros revoltados por terem sido obrigados a parar. Desde sexta-feira (27), mais de 300 caminhões se aglomeravam ocupando tanto o acostamento quando uma das faixas da PR-445 naquela região.

Caminhoneiros tem persistido nos bloqueios por entenderem que as medidas anunciadas pelo governo federal para reduzir custos no transporte de cargas beneficiará apenas empresários de transportadoras - e não os trabalhadores autônomos do setor.


Polícia Rodoviária tem apoio da Polícia Militar, fortemente armada para a desobstrução da PR-445 em Cambé (Crédito: D´Angele Alberto/RPCTV Londrina)

Segundo a Polícia Rodoviária Estadual, uma ordem judicial, expedida pela 2ª Vara da Fazenda Pública de Cambé, obrigava a desobstrução e reintegração de posse da rodovia. O documento mostrado aos caminhoneiros determinava a aplicação demulta de R$ 10 mil, por hora, para sindicatos representantes da categoria e R$ 2 mil, também por hora, para caminhoneiros autônomos.

“Registramos as placas dos caminhões para, se houvesse resistência, todos serem multados”, explicou o capitão Alessandro Luís Wolski, comandante da 2ª Companhia da Polícia Rodoviária Estadual de Londrina.

A PRE também aguardava a chegada de mais uma decisão judicial, obtida pela Procuradoria Geral (PGE) do governo do Paraná, determinando a liberação de qualquer rodovia estadual bloqueada por manifestantes. “Foi tudo muito pacífico e com base em negociação. Em Sertanópolis os caminhoneiros também deixaram o bloqueio. Se insistirem em fechar outros espaços, estamos monitorando o movimento de forma permanente para agir”, garantiu o comandante da PRE.