sexta-feira, 17 de abril de 2015

FUNDADORES DA ASSOCIAÇÃO ECOLÓGICA DE ROLÂNDIA EM 1993

Membros fundadores da Associação Ecológica de Rolândia, Claudio Metzger, José Carlos Farina, Paulo Ademir Farina, Paulo Augusto Farina e Milton Luiz dos Santos,  fazendo uma vistoria/excursão no Ribeirão Amoreiras ( fundos do Jardim Vale Verde). Na época Paulo Augusto ainda era adolescente. (Foto tirada por Renato Metzger, outro sócio que não aparece na 1ª foto)
Na foto nº 2 Renato, Milton e Farina na Represa do Ingá.
  

MENSAGEM AOS JOVENS DE ROLÂNDIA E DO BRASIL

VOCÊ TEM FILHOS, IRMÃOS E AMIGOS DROGADOS????
JUVENTUDE DE ROLÂNDIA E DO BRASIL
O LEGAL É SER CARETA
SE TODO MALANDRO SOUBESSE COMO É BOM SER
CARETA, ELE SERIA CARETA SÓ POR MALANDRAGEM...
O TEU CORPO NÃO PRECISA DE FUMAÇA, QUÍMICA E ÁLCOOL...
ALIMENTE-SE BEM... BEBA ÁGUA... PRATIQUE ESPORTES...
NAMORE.. CURTA MÚSICA... FAÇA AVENTURAS.... CONTE PIADAS...
RIA MUUUITTOOOOO
PENSE E AGRADEÇA A DEUS MAIS UMA DIA DE VIDA...
O SOL.., O AR.. A FAMÍLIA.... A VIDA...
DEUS TE ABENÇOE


JOSÉ CARLOS FARINA

André Vargas recebeu ao menos R$ 4 milhões ( por empresas de fachadas )

FOLHA DE LONDRINA

Theo MarquesInvestigações da Polícia Federal e do Ministério Público Federal identificaram cerca de 200 depósitos irregulares entre 2009 e 2014

Comissão que as produtoras pagam às agências de publicidade era repassada diretamente às empresas de André Vargas
Curitiba – Investigações da Polícia Federal (PF) e da força-tarefa do Ministério Público Federal (MPF) apontam que as empresas LSI Soluções em Serviços Empresarias Ltda. e Limiar Consultoria e Assessoria em Comunicação Ltda., de propriedade do ex-deputado federal André Vargas e de seu irmão Leon Vargas receberam, entre os anos de 2009 e 2014, ao menos R$ 4.086.084,29 em aproximadamente 200 depósitos. As informações constam de uma planilha apreendida na residência do ex-parlamentar, em Londrina, e também de informações repassadas pela Secretaria da Receita Federal por meio da Declaração do Imposto sobre a Renda Retida na Fonte (Dirf) dos respectivos anos.

Do valor total identificado na investigação, R$ 3.170.292,02 milhões teriam sido depositados nas contas da LSI, como identificam a planilha apreendida na residência da Vargas. Estes recursos foram repassados entre os anos de 2011 e 2014. Já as informações sobre os depósitos na conta da Limiar repassadas pela Receita Federal indicam depósitos de R$ 915.792,27 entre os anos de 2009 e 2012.

Conforme os investigadores apuraram, esses recursos encaminhados a André Vargas saíam de uma comissão que as produtoras pagam às agências de publicidade por terem sido contratadas, conhecida como BV (bônus de veiculação) de produção. Ao invés de pagar essa comissão à agência, as produtoras repassavam esses 10% para as empresas do ex-parlamentar. A agência de publicidade em questão seria a BorghiLowe, da qual, Ricardo Hoffmann é ex-diretor.

Entre os maiores pagamentos feitos à LSI, segundo a planilha encontrada pelos investigadores, estão os das empresas Jumbo Tratamento Térm. e Ind. Ltda. (R$ 350 mil); O2 Filmes (R$ 311 mil); Conspiração Filmes Ltda. (R$ 226,6 mil); Mais Filmes Ltda. (R$ 237,8 mil) e Alta - América Latina Tecnologia Agrícola Ltda. (R$ 200 mil). Já em relação aos valores discriminados na conta da Limiar, os maiores depósitos foram efetuados pelas empresas Conspiração Filmes Ltda. (R$ 210 mil); JBS SA (R$ 200 mil); Zulu Filmes Ltda. (R$ 126,5 mil) e INK Geração e Produção de Conteúdos Ltda. (R$ 111,2 m