segunda-feira, 5 de setembro de 2016

PROCURA-SE DONO DE UM SOFÁ


PORQUE ABANDONARAM ESTE SOFÁ?
Em plena rua, no meio da cidade, repetem-se cenas como essas, que quase estão virando normalidade. A culpa? Do fabricante do sofá? Do usuário do sofá? Ou daquele que deveria levar o sofá para o “cemitério dos sofás”? O abandono é geral e atinge a todos! Deveríamos adotar tantos desamparados... sejam sofás, crianças, velhos, cachorros, prédios, praças, escolas, hospitais... Em vez do descartável total e geral um restaurar, recuperar, revitalizar, reconquistar... um se religar a um planeta saqueado, gemendo de tanto lixo e desprezo. Vamos lá! O sofá está esperando de novo um casal de namorados, uma final de copa, uma nova história para ser contada e ouvida.