quinta-feira, 20 de outubro de 2016

VENTOS CAUSAM DESTRUIÇÃO NO SUL

20/10/2016 17h58 - Atualizado em 20/10/2016 

Ventos de 57 km/h causam estragos em Ponta Grossa, no Paraná.

Câmeras de segurança de posto de combustíveis registraram vendaval.

Outras cidades da região também registraram danos.

Do G1 PR, com informações da RPC Ponta Grossa

O Sistema Meteorológico do Paraná (Simepar) registrou ventos de 57 km/hora em Ponta Grossa, na região dos Campos Gerais do Paraná, por volta das 15h30 desta quinta-feira (20). A rajada de ventos fortes causou estragos na cidade.

No vídeo acima, a repórter Viviane Mallmann mostra parte dos estragos provocados pelo vendaval, que destelhou casas e lojas.

Segundo os meteorologistas, das 15h às 18h, choveu metade do previsto para outubro em Ponta Grossa. Nesse período, foram quase 75 milímetros de chuva na cidade. A média histórica de precipitação para o mês é de 153 milímetros.

As câmeras de segurança de um posto de combustíveis, no Núcleo Habitacional Santa Paula, registraram o vendaval que levou parte do forro do comércio. Veja no vídeo abaixo.

Lojas na Rua Kluppel Neto também foram danificadas e há registro de casas destelhadas.

Segundo o Corpo de Bombeiros, há ocorrências de destelhamento em atendimento no Núcleo Habitacional Santa Paula, no Distrito de Guaragi e na região da estrada do Kalinoski.

Ainda de acordo com os bombeiros, um homem sofreu uma descarga elétrica e foi atendido pelo Serviço Integrado de Atendimento ao Trauma em Emergência (Siate), no bairro Sabará. A vítima foi encaminhada para o hospital consciente. Os bombeiros informaram que o trabalhador estava com cabo de energia na mão, quando foi atingido.

Outras cidades
Na localidade rural de Linha Silvino, em Ivaí, também na região dos Campos Gerais, uma árvore caiu perto de uma casa e construções foram destelhadas. Os moradores relataram que além do vento forte, também choveu granizo.

O morador Anderson Rebinski, informou que o pluviômetro que tem em casa registrou 70 milímetros de chuva, em apenas trinta minutos. "Ninguém ficou ferido pois todos acharam um lugar pra se defender. Era um vento terrível", conta.
Cuuva com ventos fortes destelhou barracão de propriedade rural de Ivaí. (Foto: Anderson Rebinski/Arquivo Pessoal)

A Polícia Militar de Ivaí informou que na área urbana a chuva também foi forte, mas não causou estragos.

Em Palmeira, também na região dos Campos Gerais, os bombeiros estão atendendo seis ocorrências de destelhamento na vila rural da região de Bela Vista.

Os bombeiros também tiveram de desobstruir a PR-151 porque duas árvores caíram sobre a rodovia. As pistas chegaram a ficar parcialmente interditadas, mas já foram liberadas.

De acordo com os meteorologistas, também foram registrados ventos de mais de 80km/hora no Distrito de Entre Rios, em Guarapuava, na região central do estado.
Árvore caiu ao lado de casa em propriedade rural de Ivaí, depois de rajada de ventos fortes (Foto: Anderson Rebinski/Arquivo Pessoal)

Quer saber mais notícias da região? Acesse o G1 Campos Gerais e Sul.