sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

PLACAS DE BRONZE HISTÓRICAS SÃO FURTADAS EM ROLÂNDIA

BONDE

Placas comemorativas são furtadas de locais históricos de Rolândia~

Rafael Machado - Redação Bonde


Não deu nem tempo da Prefeitura de Rolândia tomar alguma medida para tentar recuperar a placa de inauguração da rodoviária da cidade para que uma nova - e péssima - notícia surgisse. Outra placa da Estátua de Roland, monumento doado ao município paranaense pela cidade alemã de Bremem em homenagem a um dos guerreiros que ajudaram a defender o imperador Carlos Magno, também foi furtada. A concessão também se deu pela forte identificação de Rolândia com a cultura germânica. 

Até o momento, não há nenhuma pista dos ladrões. Na semana passada, bandidos aproveitaram o silêncio da madrugada e levaram a placa da Rodoviária, que tem 90 cm de altura por 78 cm de largura e é moldada a bronze. Vizinhos ouviram um barulho, mas sequer suspeitaram da ação criminosa. A relíquia continha assinaturas do governador do Paraná na época, Moysés Lupion, e do prefeito de Rolândia, Primo Lepre. 


Reprodução/Guilherme Spanguemberg


Por pouco, outra placa, localizada no parquinho central da cidade, não passou pela mesma situação. Funcionários da prefeitura localizaram os equipamentos que seriam utilizados para arrancar o objeto do concreto. A porta-voz do 15º Batalhão de Polícia Militar de Rolândia, tenente Ana Maria da Silva Delai Mocellin, disse que itens do patrimônio público geralmente são trocados a baixos preços no mercado de entorpecentes. 

O secretário de Planejamento de Rolândia, Dario Campiolo, acredita que há um receptador na região que recebe os produtos de furto. "Quando ficamos sabendo de uma nova ocorrência, o único jeito é acionar e depender do trabalho da polícia", disse. Ele relembrou que a identificação de tais ladrões "é muito difícil de se fazer". A prefeitura estuda repor as placas históricas com moldes de alumínio, que representa um custo menor para os cofres públicos.