quarta-feira, 8 de junho de 2016

ROLÂNDIA TERÁ TRÊS EQUIPES COMPETINDO NA FASE REGIONAL DOS JOGOS ABERTOS DO PARANÁ







A Secretaria de Esporte confirma que três modalidades esportivas vão representar a cidade entre os dias 9 a 12 deste mês em Centenário do Sul (69km noroeste) durante a Fase Regional dos Jogos Abertos do Paraná. Os times de basquete masculino, futsal feminino e futebol masculino vão participar. A abertura oficial do evento será nesta quinta-feira, 19h30. Da Assessoria.

ROLÂNDIA: ESTRADA DO CARAMURU






ESTRADA DO CARAMURU REVITALIZADA

A Secretaria de Infraestrutura promove melhorias na Estrada do Caramuru. O acesso a ponte da Estrada do Cavalari, que foi prejudicado pelas chuvas, foi reconstruído.

Além disso, foi feito o nivelamento e a compactação do solo. Ao longo do trecho, a Estrada será cascalhada visando assegurar o ato de escoar a produção, além de beneficiar a comunidade local.

Da Assessoria


CRAQUE DE ROLÂNDIA ( OSNIR POPULIM )




































































































VÍDEO CAMINHADA NA ESTRADA SÃO RAFAEL NO SBT REDE MASSA CAMINHOS DO CAMPO

VÍDEO CAMINHADA NA ESTRADA SÃO RAFAEL NO SBT REDE MASSA CAMINHOS DO CAMPO

ROLÂNDIA: MELHORANDO O VISUAL DA ENTRADA DA CIDADE





INTERVENÇÃO URBANA VAI MODERNIZAR A REGIÃO DA IGREJA DA RESSUREIÇÃO

Em reunião no gabinete, o Prefeito Dr. Francisconi e o Secretário de Planejamento e Desenvolvimento Econômico Dário Campiolo receberam representantes das empresas JBS, Eurofral e Granjeiro e, na ocasião, foi definido o anteprojeto que vai modernizar a área do entorno da Igreja da Ressurreição, que pega desde as margens da BR-369 no São Fernando, Santiago e adjacências e vai até o trevo de saída para Arapongas.


No encontro, foi decidido que as empresas vão desenvolver um projeto de urbanismo, paisagismo e iluminação para a área, com pavimentação das marginais da BR-369 nos dois sentidos da rodovia e a construção de duas grandes rotatórias para reorganizar o tráfego no local.

Da Assessoria

DR. OSNI GIORDANI e DR. LIBERATTI SERÃO HOMENAGEADOS

Comenda Roland será entregue a médicos em Sessão Solene


Na próxima sexta-feira (10) a Câmara Municipal de Rolândia fará uma sessão solene par homenagear dois médicos que contribuíram e muito com a cidade de Rolândia,Luis Liberatti e Osni Domingos Giordani. A homenagem será feita por meio da Comenda da Ordem do Mérito Roland e o evento acontecerá no Centro Cultural Nanuk

Ambos os médicos são conhecidos em Rolândia e região, principalmente pelo inúmeros serviços prestados na área de saúde através de seu profissionalismo e exemplo de vida.

Osni Domingos Giordani e Luis Liberatti, além de médicos também prestaram serviços na área política como vereadores, inclusive como presidente da Câmara em suas legislaturas.

Os dois médicos foram vereadores e presidentes do Legislativo de Rolândia.

histórias de sucesso

Osni Domingos Giordani nasceu no distrito Campos Novos, em Capinzal (SC), no dia 12 e novembro de 1940. É filho de Gustavo Giordani e Olga Brun Giordani. É casado com Helena GrezlakGiordani e pai de Fabiane Giordani, Fábio Giordani e Osni FabrizioGiordani.

Dr. Osni Giordani formou-se em Medicina na Universidade Federal do Paraná, em 1967. Fez residência em São Paulo e trabalhou por 45 anos no Hospital São Lucas. Desde 1998 é médico da Associação Brasileira de Medicina do Tráfego e trabalha como médico no Detran de Rolândia desde 1995.

Ainda como médico trouxe a agência do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) para Rolândia, com apoio do superintendente, Candido de Oliveira. O médico já foi diretor do Colégio Roland e ainda atua na Medicina. Giordani foi eleito vereador em 1989. Foi presidente da Câmara em 1990/1991. Em 1993 candidatou-se a prefeito. 

Já Luis Liberatti nasceu em Jaú (SP), no dia 15 de maio de 1935. Ele é filho de Umberto Liberatti e Maria Mussio. É casado com Arlete Pinto Liberatti, desde 1995 e tem três filhos: Ricardo Pinto Liberatti, Claudia Pinto Liberatti e Alexandre Pinto Liberatti.

Liberatti chegou a Rolândia em 1946. Formou-se em Medicina em 1961, na Universidade Federal do Paraná. Trabalhou nos Hospitais São Judas Tadeu – de 1962 a 1966 - e São Lucas – até aposentar-se. Foram 50 anos na profissão. Atualmente faz parte do Lions Clube.

Luis Liberatti foi candidato a prefeito em 1970 e 1972. Em 1976 foi candidato a vice-prefeito, junto a Eurides Moura. Foi eleito vereador em 1992 e presidente da Câmara no biênio de 1995/1996.

A Comenda será entregue aos médicos, às 19h30, no Centro Cultural Nanuk. O evento deve ser bem concorrido, uma vez que os dois História.

Reportagem: Assessoria da Câmara Rolândia – Texto, foto e edição geral: Ted Perez;

COMENTÁRIO

Tive o prazer e a honra de ser colega vereador do Dr. Osni Domingos Giordani... Posso testemunhar que ele foi um vereador ativo, competente e honesto. Lutei ao lado dele e de outros colegas de 89 a 92. Naquele período a Câmara Municipal não brincou.. trabalhou muito.. conforme era o nosso dever. No tempo que ele fumava, a "marca registrada" dele era tragar a fumaça, depois soltava pela boca e puxava de novo pelo nariz... poucas pessoas conseguiam tal "proeza" na hora de fumar... tentei várias vezes,mas nunca consegui... (rs). Uma vez viajamos juntos para Brasília. Eu,ele e o Horácio Negrão. Fui pedindo consulta grátis daqui lá.. chegando no hotel, tive um "mal jeito" na coluna e com a maior cara de pau pedi uma massagem. ( como coisa que médico é massagista)... ele entortou a cabeça e disse:- Orra Farina, vc veio de Rolândia aqui consultando de graça e ainda quer massagem?. Eu respondi:- Puxa Osni, prometo que não vou perguntar mais nada, mas quebra essa pra mim. Ele: - tá bom, deIta aí vai... ( e não é que fiquei bom!...). Obigado Osni. Vc é o cara!.... JOSÉ CARLOS FARINA

OBS.: Foi o médico da minha família. Fez os partos que trouxe à luz minha filha mais velha e a minha neta.
.

VÍDEO PEGADINHA ( CÂMERA ) MAIS ASSUSTADORA DO MUNDO É DO BRASIL SBT SILVIO

FARINA VIAJA DE TREM DE ROLÂNDIA A SÃO PAULO ( CRÔNICA )


NOS ANOS 70


Uma viagem inesquecível



Aconteceu nos anos 70. Eu, minha querida mãe e meu primo Toninho (foto ao lado - sempre presente em quase todas as minhas aventuras). Viagem de Rolândia à São Paulo. Fomos passear na casa de parentes. Saímos de Rolândia por volta das 21 horas. Tinha na época 16 anos. Tudo nesta viagem foi maravilhoso. Foi a minha primeira viagem de trem. Lembro-me da ansiedade até que o trem apareceu com aqueles faróis poderosos, soltando fumaça e aquele barulhão do motor. Meu coração acelerou. O chefe da estação que portava um bonito quepe bateu o sino de bronze anunciando oficialmente a chegada do trem. Embarcamos. Minha mãe ( que era a primeira vez que viajava sem a presença do meu saudoso pai) acenava chorando ao início da marcha do trem. Ficamos olhando o meu pai e irmãos na plataforma da estação até sumirem. Mal começou a viagem a minha mãe pegou um rosário e começou a rezar pedindo proteção para a viagem. A preocupação dela era que o meu tio João não estivesse esperando na Estação Sorocabana em São Paulo. Por volta da meia noite fiquei entendiado com a lentidão da viagem, e não conseguindo dormir por causa do balanço e do  barulho do atrito das rodas de aço nas emendas dos trilhos, fui até o vagão refeitório onde comprei uma revista. Sentei ao lado de uma das mesas para ler. Pedi uma bebida e um maço de cigarro. Minha mãe preocupada com a minha demora e já chorando achando que tinha caído para fora do trem, mandou o meu primo me procurar. Me encontrou lá no refeitório com toda pose, sentado, lendo, fumando e bebendo ao lado de dois garçons vestidos com ternos brancos. Sendo meu primo morador da roça ficou com vergonha de entrar ali, só acenou com a cabeça e voltou pra contar o que viu. Até hoje ele ri muito ao descrever esta cena. Ao amanhecer eu e meu primo fomos para o último vagão onde havia uma espécie de varanda. Eli fumando um cigarrinho íamos contemplando as belas paisagens. Os lavradores paravam de carpir ou arar a terra para acenar para nós. Nos sentíamos muito importantes ao recebermos os acenos. Minha mãe continuava a rezar com o rosário na mão. Só parava para mandar o cobrador de bilhetes nos avisar para não irmos muito longe (como se isso fosse possível). O cobrador já nos conhecia.. ele tinha dó da minha  mãe e vinha dar os recados. Avisava: - não vão cair nos vãos dos vagões... A uma certa altura da viagem, já chegando em São Paulo, eu e meu primo ficamos na "paquera" em frente o vagão de sanitários. Estava encostado na porta do sanitário feminino quando, em uma curva, a porta abriu e eu fui arremessado para dentro. Acabei machucando a perna com o impacto no vaso sanitário (Ainda bem que não tinha nenhuma mulher lá dentro). Meu primo ri até hoje desta proeza. A viagem foi muito emocionante do começo ao fim. A parte ruim era aguentar o cobrador de cinco em cinco minutos querendo ver os bilhetes e os vendedores de revistas, jornais, sanduíches e pratos feitos. Eles passavam a todo instante gritando: - Olha o sanduíche... prato feito.. revistas.. (como coisa que a gente não sabia!...). Os caras eram reconhecíveis até no escuro. Portavam um paletó preto com o distintivo da RVPSC (Rede Viação Paraná Santa Catarina) e um quepe da mesma cor, com emblema de bronze. Pareciam uns generais. Interessante que eram todos gordos. Eu acho que ele  comiam a comida e sanduíches que sobravam. A viagem durou uma noite mais meio dia. A cada cinco minutos, quando enfim o trem embalava, tinha que parar... Mais uma estação. Daqui em São Paulo eu acho que haviam mais de 1.000 estações. O trem parava até em porteira de fazenda.  Nunca vi coisa igual. Minha mãe quando viu o meu tio João nos esperando na Estação em meio a tanta gente só faltou pular em cima dele, saltando  a janela, tamanha a alegria. Já foi andando... carregando a mala e agradecendo Jesus e um monte de santo. Saímos com o meu tio, carregando malas enormes em meio a multidão. Com medo de me perder do meu tio andei levando uns safanões, pois andei acertando as canelas de alguns transeuntes com a enorme mala de couro que levava.. Já ao lado do meu tio minha mãe agora ia rezando agradecendo o sucesso da viagem. Mas, falando sério, foi a viagem mais emocionante que tive na minha vida até hoje. Dificilmente vou fazê-la de novo, pois nem mais trem de passageiros temos. JOSÉ CARLOS FARINA - ROLÂNDIA - PR.

OBS.: Na 1ª Foto o meu primo Toninho. Ele não é louco não. A foto foi tirada na festa de um casamento da família. É claro que tinha bebido um pouco.... Na 2ª um trem daquela época (museu do trem de Baurú)...

MULHER MAIS VELHA DO MUNDO COM 120 ANOS É DO PARANÁ, BRASIL

Paranaense de 120 anos dá entrada no Guinness Book como pessoa mais velha do mundo

Redação Bonde - 07/06/2016 -
A aposentada Jesuína dos Santos Cardoso completou 120 anos em janeiro deste ano. Jesuína nasceu em 30 de janeiro de 1896 em Reserva (região Centro Oriental do estado) e pode ser a mulher mais velha do mundo atualmente. 

Em maio deste ano, a mulher que reside em Rio Branco do Ivaí (região Norte Central do estado) teve que viajar 200 km até Apucarana (região Norte do estado), na qual é cadastrada sua aposentadoria para reaver seu benefício do INSS, pois ela foi dada como morta pelo instituto e precisou se deslocar até a cidade para provar que estava viva. 

Valdir Correia de Moraes/Arquivo pessoal
Valdir Correia de Moraes/Arquivo pessoal


Como ela pode ser a mulher mais velha do mundo atualmente, na manhã desta terça-feira (7), estão sendo encaminhados os documentos necessários para cadastrar a mulher no Guinness Book como a pessoa mais velha em atividade. 

Faltam apenas a checagem e confirmação dos documentos para provarem oficialmente a idade de Jesuína. 

Em maio deste ano, uma americana de 116 anos, que era considerada a mulher mais velha no mundo, morreu em Nova York. O recorde provisório é do francês Jeanne Calment, que faleceu em agosto de 1997, com 122 anos. (com informações do TNOnline)

Rolândia recebe novo delegado




Segurança é sempre prioridade a demanda por delegados nos municípios é constante. O deputado estadual Cobra Repórter confirmou junto ao chefe da Divisão Policial do Interior, Valmir Soccio, a remanejamento e nomeação de delegados para Londrina, Ibiporã e Rolândia.  Desde ano passado, ele vinha cobrando as nomeações e mais delegados para Londrina.

Para Rolândia está confirmado do delegado Bruno Silva Rocha, que veio de Minas gerais e cursou a nova Escola de Delegados. 

Adilson José da Silva, que é de Londrina, mas estava atuando no Rio Grande do Sul, foi designado para Jandaia do Sul.

Para Ibiporã, o novo delegado Vitor Dutra de Oliveira, que atuava anteriormente na cidade de Pinhais, na região metropolitana de Curitiba. Ele substitui Roberto Fernandes de Lima, que vai trabalhar exclusivamente em Cambé. Lima acumulava as duas delegacias depois que Jorge Barbosa se aposentou. 

Para Londrina, foram nomeados dois novos delegados e serão feitos alguns remanejamentos. O delegado Rafael Souza Pinto, lotado anteriormente em Ortigueira, assume o 5º DP.  Damião Benassi Junior, responsável pelas comarcas de Uraí, Assaí, Rancho Alegre, São Sebastião da Amoreira e Nova América da Colina, foi transferido para o 3º DP, no jardim Bandeirantes.

Já Edgard Soriani deixa o 2º Distrito e assume a Delegacia de Trânsito. Mozart Gonçalves, antigo titular do 5º DP, na zona norte de Londrina, ficará incumbido de administrar o 2º DP.  O 4º DP passa a ter a responsabilidade de William Douglas Soares, delegado que trabalhava no 3º DP. 

O deputado Cobra Repórter reforçou a importância das nomeações. Em dezembro do ano passado ele esteve com o chefe da Divisão do Interior já cobrando as nomeações para Cambé e Rolândia e desde o início do mandato vem pedindo mais delegados para Londrina.

Na tarde desta terça (7) o deputado Cobra recebeu a visita do novo delegado de Rolândia, Bruno Silva Rocha.

ROLÂNDIA: RECLAMAÇÃO DO CAMPO BELO


Nessa ultima terça-feira (07), estive percorrendo alguns bairros de nossa cidade, dentre eles foi o Jardim Campo Belo. Mais especificamente na Rua Figueira Branca, na qual recebi varias reivindicações dos moradores ali residem.

A mais urgente delas foi a roçagem de mato, e a limpeza de entulhos, que se acumulam neste local. Estarei levando está solicitação ao executivo, para que tomem as medidas necessárias com urgência.












PROGRAMA DO BLOG DO FARINA Nº 6 - 08/06/2016