terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

ROLÂNDIA TERRA FÉRTIL

de um autêntico "turismo sustentável" crescido durante décadas a partir do legado do "ouro verde", o café! O Município está dentro de um fantástico contexto mundial de geração de empregos e cuidado ambiental sublinhando assim a declaração recente da ONU que denomina 2017, "O ANO INTERNACIONAL DO TURISMO SUSTENTÁVEL". Pena que até o momento a Revisão do Plano Diretor somente enxerga algumas "ilhas turísticas" em Rolândia. Em volta há nos mapas a previsão de um "mar de industrialização" (inclusive de indústrias potencialmente poluidoras), loteamentos urbanos e uma rodovia que pretende cortar o Município ao meio. Poucos turistas, num cenário destes, vão se aventurar a vir aqui. Participe, hoje a noite, às 18:30h. na reunião mensal do Conselho do Meio Ambiente (Comdema) no Sindicato Rural de Rolândia (Centro) para que um Plano Diretor seja adaptado a um futuro promissor! DANIEL STEIDLE