sábado, 10 de dezembro de 2016

consumo de carboidratos em dietas de emagrecimento é aconselhado

Nutricionista ressalta 

Redação Bonde com Assessoria de Imprensa - 10/12/2016 -

Os carboidratos são a base de uma alimentação saudável e, ao contrário do que muita gente pensa, são essenciais para garantir saúde e energia em dietas de emagrecimento. Um estudo publicado em 2008 pela Universidade Flinders (Austrália) comparou duas dietas com o mesmo número de calorias, sendo uma rica e outra pobre em carboidratos. 

Ambas tiveram a mesma perda de peso, sendo que o grupo que consumiu a dieta rica em carboidrato melhorou ainda mais o perfil de gorduras no sangue (redução de colesterol). "É por isso que pessoas que querem perder peso não devem excluir jamais alimentos ricos em carboidratos, como as massas, da alimentação", explica a nutricionista Mariana Nacarato. 

O ideal é consumir carboidratos de forma equilibrada em todas as refeições, explica a nutricionista. Segundo a FAO - Food and Agriculture Organization of the United Nations, órgão que tem como principal objetivo promover a segurança alimentar - , de 55% a 75% das calorias diárias devem ser consumidas na forma de carboidratos, divididas em café da manhã, almoço, jantar e lanches intermediários. "Biscoitos e massas são exemplos de carboidratos que podem compor essas refeições", ressalta.



Divulgação

A nutricionista aponta que é muito importante sempre seguir uma dieta equilibrada, composta por todos os principais grupos de alimentos: carboidrato, proteína e vegetais. Em 2013 foi publicado na Revista Obesity Society um estudo realizado com 88 pessoas obesas. Um grupo recebeu dieta rica em carboidrato enquanto que o outro grupo recebeu uma dieta rica em proteína. Ao final do estudo foi constatado que ambas promoviam perda de peso similar, porém, a dieta rica em carboidrato teve maior adesão e foi mantida por mais tempo. 

"Ou seja: a dieta com carboidrato possibilita uma perda de peso gradual, em longo prazo, saudável e sem as consequências de uma dieta com restrição deste nutriente, que acaba trazendo sintomas como cansaço, falta de concentração, irritação, dor de cabeça, tontura e até desmaio", alerta Mariana. 

Para finalizar, a nutricionista indica que no caso de uma dieta para perda de peso, as pessoas busquem por acompanhamento médico.