domingo, 23 de julho de 2017

DANIEL STEIDLE ESCREVE SOBRE ESTRADA ALTERNATIVA AO PEDÁGIO

Pedágio não pode excluir o poder de escolha.
Lembro de alguns pedágios na Europa. Isso faz mais de 10 anos... Mas ficou marcado uma lógica que também deveria ser realidade em nosso querido Brasil. A lógica da escolha... Quem queria andar rápido em rodovias espaçosas e cheias de segurança passava por pedágios. Quem queria curtir a paisagem, cidades históricas e ir bem devagar pegava as antigas estradas paralelas e sinuosas ... Pronto! Em vez de passe livre ou vantagens temos que negociar a manutenção das estradas antigas que não são rotas de fuga, mas a manutenção da história local e a livre opção das pessoas. E chega de falar que no Brasil reina a confusão, o jeitinho. Temos que criar situações onde o PODER NÃO SE TORNA O TERROR, mas simplesmente o atendimento às necessidades básicas da população... (Apenas um rascunho sobre um momento; o turbulento que exige, para soluções, um amadurecimento de todos!...)
Abraços! Daniel Steidle